Palestra motivacional- daniel godri

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (466 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Daniel é especialista na área de motivação em empresas e já deu palestras no exterior. Ele é um senhor redondo, simpático, quase rechonchudo e tem um filho também fazendo a mesma coisa. Em algunsoutros vídeos, o pai fala e o filho, que pisca muito diante da câmera, participa. Nessa palestra em questão, sobre motivação, Godri fala sempre do ponto de vista do patrão e da empresa. A empresa quermotivar o empregado para que ele produza mais e essa é a finalidade. Para isso ele faz uma salada cultural, religiosa e ideológica, misturando muitos exemplos ilustrativos e até Jesus Cristo. Oempregado deve, segundo ele, pensar como patrão. Os exemplos do gato e do cão, que ele dá, também fazem com que o empregado esteja no lugar do animal, o patrão no lugar do homem, quase como em A Revolução dosBichos, de George Orwell. Só que Godri é cachorrinho de língua de fora do patrão, claro: ele recomenda, como postura para um empregado, a abnegação puxa-saquista. Deus também é seu chefe, só que emoutra escala. Você pode não acreditar em Jesus Cristo, um grande motivador, segundo ele, mas ele não admite que possamos não acreditar em Deus. Afinal, Deus é pai e patrão. Um de seus exemplos remete àprópria infância. Ele disse querer ter inventado o velcro, inspirado, segundo ele, nos carrapichos do campo. O Brasil é o país do gato, do interesseiro e também dos carrapichos, que grudam na gente.O gato e o carrapicho possuem isso em comum: grudam, forçam uma simpatia e gostam do lugar onde moram, segundo ele; já tive gatos e observei algo diferente: eles conhecem quem gosta deles e quem nãogosta.

Mas o principal ponto de Godri é: minha empresa é minha empresa e não do burguês. O empregado deve se sentir como dono, pensar como dono, defender o dono, mesmo se ele é explorado e não édono. Se falarem mal dela, devo defender, pois é minha empresa. O gato fala mal, o cachorro não aceita, se baba, defende, como um cão defende a casa. O cachorro perdoa como Jesus Cristo, o gato não. O...
tracking img