Painel digital - canudos rebeldia rural na república dos coronéis

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1032 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Aluno: João Paulo Moreira Carvalho
Licenciatura em História

PAINEL DIGITAL Canudos: Rebeldia rural na República dos Coronéis Elementos:


• Políticos

Proclamação da república em 1889

O Coronelismo

Em 1889 ocorre, como o ilustra a obra, a proclamação da República, produto do desgaste político e econômico deixados pela Monarquia. Movimento arquitetado por grupos de intelectuais emilitares não teve cunho popular.

Após a ascensão das oligarquias ao poder uma nova estrutura de apoio foi fomentada para conciliar os diversos interesse envolvidos. Do extenso território herdado de um poder não mais centralizado, surge a política dos governadores, sustentada pelos chefes locais, os coronéis, responsáveis pelo apoio político regional a República.

Voto de cabresto

Abertoe restrito a poucos cidadãos, o voto, apesar de ser considerado um grande passo rumo à democracia, neste período não pode representar a vontade individual do eleitor, mas sim a do líder regional, o Coronel, através dos mais variados recursos coercivos e de manipulação, sendo apelidado, neste sentido, de voto de cabresto.

• Econômicos

Desemprego

A produção de café

Neste período oprincipal produto da balança econômica brasileira era o Café. A fórmula de latifúndio, monocultor, já experimentada como a cana de açúcar volta a se repetir, a penas com a diferença da mão de obra legalmente já ter sido extinta. Contudo, a grande dependência das exportações de um produto torna a economia do país frágil. Latifúndios empregando pouca mão de obra.

Com o fim da escravidão uma grandemassa de indivíduos foi abandonada pela sociedade, juntando a isto a incapacidade do Estado de fomentar novas iniciativas a economia, grande parte da produção e comercio ficou restrito aos interesses das oligarquias locais, neste período restringindo-se ao eixo São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. Gerando assim um completo abandono de boa parte do território e uma grande parcela da populaçãosem trabalho. Encilhamento.

O latifúndio continuou a ser o empregado na produção de monocultura agro exportadora, porém com o fim da escravidão essa mão de obra passou a ser substituída por emigrantes e em menor número do que os escravos.

Então ministro da Fazenda, no primeiro período da República, Rui Barbosa, foi arquiteto de um plano para o desenvolvimento da economia e fomento asindústrias. Contudo a especulação a emissão de moeda e concessão de empréstimos a falsas empresas acabaram por deteriorar ainda mais a situação econômica do país, assim ficando conhecida como encilhamento, pela instabilidade e barulho nas bolsas.

•Culturais

Estado Laico

Abolição

Influenciado por moldes positivistas a República tinha entre suas características o laicismo. Separandodefinitivamente Igreja e Estado, uma ruptura com um símbolo monárquico, a religião oficial.

O fim da escravidão ocorreu antes da ascensão da República, suas causas podem ser creditadas a diversos eventos e iniciativas de uma conjuntura internacional. Suas conseqüências, porém deu

impulso a decadência da Monarquia. Para os escravos a liberdade foi uma conquista de anos de resistência e luta, contudo aliberdade significou na prática a marginalização deles, considerados um problema pelas oligarquias dominantes desta época. • Sociais Grande seca de 1877

Realidade de miséria e pobreza agravadas pela seca no Nordeste

Longe dos grandes centros econômicos a região Nordeste, foi castigada não só pela

Conhecida como Grande Seca de 1877,

falta de recursos, mas também por fenômenos naturais,como a seca que ampliava a miséria e pobreza deste período. Messianismo

não foi à única, mas sua amplitude chamou a atenção para um Brasil marginalizado.

O Arraial de Canudos rendeu ao Exercito brasileiro honrarias. Fruto de choque entre mentalidades e o descaso de uma política voltada aos interesses de pequenos grupos. Pode ser considerada, uma reação à opressão do povo que achou em um...
tracking img