Os seguintes argumentos utilizados no livro-texto são verdadeiros, exceto o que se expressa na alternativa: escolher uma resposta. a. o protocolo de kyoto foi um acordo entre os países menos industrializados. b.

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3300 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
As tendências progressistas libertadora e libertária têm, em comum, a defesa da autogestão pedagógica e o antiautoritarismo. A escola libertadora, também conhecida como a pedagogia de Paulo Freire, vincula a educação à luta e organização de classe do oprimido. Segundo GADOTTI(10), Paulo Freire não considera o papel informativo, o ato de conhecimento na relação educativa, mas insiste que oconhecimento não é suficiente se, ao lado e junto deste, não se elabora uma nova teoria do conhecimento e se os oprimidos não podem adquirir uma nova estrutura do conhecimento que lhes permita reelaborar e reordenar seus próprios conhecimentos e apropriar-se de outros.

Assim, para Paulo Freire, no contexto da luta de classes, o saber mais importante para o oprimido é a descoberta da sua situação deoprimido, a condição para se libertar da exploração política e econômica, através da elaboração da consciência crítica passo a passo com sua organização de classe. Por isso, a pedagogia libertadora ultrapassa os limites da pedagogia, situando-se também no campo da economia, da política e das ciências sociais, conforme GADOTTI(11




Escola libertadora e escola libertária...

TendênciaProgressista Libertadora
Papel da Escola: Atuação não formal. Percepção e questionamento da realidade para transformação social. Educação crítica.
Conteúdos: São retirados da prática, da realidade dos alunos. Caráter político.
Método: O diálogo entre professor e aluno é a base metodológica. Como é considerado um animador o professor deve trabalhar no nível dos alunos.
Professor x Aluno: Relaçãohorizontal, sendo assim, os dois são sujeitos do conhecimento. Não há autoridade.
Pressupostos: Educação problematizadora, que se dá a partir da codificação da situação problema. Conhecimento da realidade. Processo de reflexão e crítica.
Prática Escolar: Seu inspirador é Paulo Freire. Movimentos populares: sindicatos, educação para adultos, há professores que vêm tentando colocar em prática todos osgraus de ensino formal.

Tendência Progressista Libertária:
Papel da Escola: Mudança na personalidade do aluno, alterações institucionais à partir dos níveis subalternos.
Conteúdos: As matérias ficam à disposição dos alunos, porém não são cobradas, depende do interesse de cada um.
Método: Vivência grupal na forma de auto-gestão.
Professor x Aluno: É não diretiva, o professor é orientador eos alunos livres.
Pressupostos: Aprendizagem informal, relevância ao que tem uso prático. Tendência anti-autoritária. Crescer dentro da vivência grupal.
Prática Escolar: Trabalhos não pedagógicos mas de crítica as instituições. Relevância do saber sistematizado.
Freinet, Miguel Gonzales Arroyo .

O que fica desta forma de concepção do ensino em artes visuais é que, nas propostasLibertadora eLibertária, a arte/educação abrange as produções culturais marginais ou consideradas indignas da arte/educação e propõe uma perspectiva transdisciplinar na qual a compreensão cultural seja impossível sem a sua contextualização.
É necessário que as artes visuais sejam ensinadas através do pensamento de rede, onde o aluno é ensinado vinculado ao seu cotidiano e a produção contemporânea.
Aspedagogias Libertadora e Libertária direcionam a aventura, a liberdade, a criatividade, a busca de situações novas, o respeito à sujeitos encontrados no percurso.
Elas nos levam a uma arte embasada na auto reflexão, na desconstrução e na construção, onde a permanente mutabilidade de todos os sujeitos envolvidos no processo educativo permitem a apropriação de diferentes conceitos que evoluem de acordo comas experiências de cada um.


Pedagogia libertária

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Existem três grupos de entendimento da educação na sociedade: educação como redenção, educação como reprodução e educação como transformação. A pedagogia libertária, assim como as demais pedagogias progressistas, segue a tendência filosófico-política da educação como transformação da sociedade....
tracking img