Os primeiros reis de portugal -dinastia da borgonha

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 27 (6695 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Os 34 reis da Monarquia Portuguesa
Os Reis da Monarquia Portuguesa
desde a independência do condado portucalense em relação ao reino de Leão, em 1139, sob a chefia de Dom Afonso Henriques, então conde de Portucale, e primeiro Rei de Portugal como Dom Afonso I, até à implantação da república portuguesa, em 5 de outubro de 1910, que depôs o último Rei português, DomManuel II.

1º Dinastia – Afonsina
Dinastia de Borgonha

1º Rei de Portugal – D. Afonso Henriques – O Conquistador

Filho do Conde D. Henrique.
Nasceu em Coimbra em 1109.
Casou com D. Mafalda de Sabóia.
Aclamado Rei em 1139. Reinou 57 anos
depois de uma estrondosa vitória na batalha de Ourique contra um forte contingente mouro,D. Afonso Henriques autoproclamou-se rei de Portugal, com o apoio das suas tropas.
concentrou os seus esforços em negociações junto da Santa Sé com um duplo objectivo: alcançar a plena autonomia da Igreja portuguesa e obter o reconhecimento do Reino
O Tratado de Zamora foi um diploma resultante da conferência de paz entre D. Afonso Henriques e seu primo, Afonso VII de Leão e Castela. Celebradoa 5 de Outubro de 1143, esta é considerada como a data da independência de Portugal e o início da dinastia afonsina.
Pelos termos do tratado, Afonso VII concordou em que o Condado Portucalense passasse a ser Reino, tendo D. Afonso Henriques como seu "rex" (rei). Embora reconhecesse a independência, D. Afonso Henriques continuava a ser vassalo, pois D. Afonso VII para além de ser rei de Leão eCastela se considerava imperador de toda a Hispânia. Contudo nunca D. Afonso Henriques prestou vassalagem a ele, sendo caso único de entre todos os reis existentes na península Ibérica.
A partir de 1143 D. Afonso Henriques vai enviar ao Papa remissórias declarando-se seu vassalo lígio e comprometendo-se a enviar anualmente uma determinada quantia de ouro.
Bandeira portug uesa de 1143.
Asnegociações vão durar vários anos, de 1143 a 1179.
Em 1179 o Papa Alexandre III envia a D. Afonso Henriques a "Bula Manifestis probatum"; neste documento o Papa aceita que D. Afonso Henriques lhe preste vassalagem directa, reconhece-se definitivamente a independência do Reino de Portugal sem vassalagem em relação a D. Afonso VII de Leão e Castela Após o incidente de Badajoz, a carreira militar de D.Afonso Henriques praticamente terminou. A partir daí, dedicou-se à administração dos territórios com a co-regência do seu filho D. Sancho. Procurou fixar a população, promoveu o municipalismo e concedeu forais. Contou com a ajuda da ordem religiosa dos cistercienses para o desenvolvimento da economia, predominantemente agrária.
O legado do seu reinado foi, entre outros:
A fundação da nacionalidade,reconhecida pelo papado e pelos outros reinos da Europa;
A pacificação interna do reino e alargamento do território através de conquistas aos mourosempurrando as fronteiras do Condado Portucalense para sul.





















2º Rei de Portugal – D. Sancho I – O Povoador

Aclamado Rei em 1185. Reinou 26 anos.

Filho de D. Afonso Henriques e da Rainha D. Mafalda.Nasceu em Coimbra em 1154.
Casou com D. Dulce, filha de D. Raimundo Conde de Barcelona.
Sancho I dedicou muito do seu esforço governativo à organização política, administrativa e económica do seu reino. Acumulou um tesouro real e incentivou a criação de indústrias, bem como a classe média de comerciantes e mercadores. Sancho I concedeu várias cartas deforal principalmente na Beira eemTrás-os-Montes: Gouveia (1186), Covilhã (1186), Viseu (1187), Bragança (1187), etc, criando assim novas cidades, e povoando áreas remotas do reino, em particular com imigrantes da Flandres e Borgonha.



3º Rei de Portugal – D. Afonso II – O Gordo

Aclamado Rei em 1211. Reinou 12 anos.

Filho de D. Sancho I e da Rainha D. Dulce.
Nasceu em...
tracking img