Os instrangeiros

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 17 (4043 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Apresentação

Através de uma pequena escola no recife e nas paginas do jornal do jornal do comércio e do diário de pernambuco que ensinavam a ler e ter opinião contestar ou apoiar idéias.
As notícias podem ser conhecidas também pelo rádio ou televisão a notícia descreve a realidade, os artigos de opiniões tentam mostrar os mistérios por atrásdela.
Ler ou ouvir pelo rádio até mesmo assistir televisão quando adolescente era mergulhar em uma aventura de procurar entender o mundo, vencer ou ser vencido pela timidez, demonstrar conhecimento ou ignorância ser aplaudido ou vaiado mesmo que seja em silêncio.
Ter opinião é muito perigoso, grandes idéias levaram os autores a força acrucificação. muitos foram presos e outros perderam seus direitos civis.Qualquer descuido pode ser perigoso perder amizade e a simpatia.
Mas quando a opinião convence quem escuta os argumentos são como equipamentos para substituir montanhas, quando as palavras são bem ditas as opiniões são como se desligasse elegantemente sobre uma onda.
Asopiniões são criadas em cima de outras opiniões deve ser analisadas e até mesmo enfrentar e debater contestando e defendendo suas próprias idéias adotadas.
Como as opiniões e as idéias você pode ganhar ou perder amigos, receber aplausos, enfim vai viver intensamente.

Presente de Natal



O papai noel tinha dado um presente importante a umjovem na década atrás em recife. Onde seu melhor amigo morava em um dos mocambos de taipa seu nome era miro morreu ao redor dos 20 anos, a causa da morte foi asma.
Apesar de seus pais não serem ricos, papai Noel sempre foi generoso comigo. Mas seu maior presente foi conseqüência de seu aparente desprezo pelos pobres.O melhor presente que recebi de papai Noel foi aimprecisão da injustiça.Não lembro com que idade percebi esta injustiça,mas lembro de conversas sobre isso com minha mãe e meu pai.
Não fosse a maneira injusta como papai Noel distribuía seus presentes, dando-os melhores e mais caros quanto mais ricos fossem os pais de meus vizinhos e abandonando os filhos dos vizinhos pobres.
Hoje osmeninos e meninas de classe média e alta do Brasil têm dificuldades de receber este presente de natal. Quando acordam dia 25 de dezembro acham o dia normal como os outros.
Agora as crianças e os jovens não contam mais com papai Noel para despertar suas próprias consciências. Seus presentes diferenciados não oferecem mais a consciência da injustiça social.Cabe a nós, adultos, mostrar a injustiça construída no Brasil aos longos de cinco séculos. cabe a nós alertar nossas crianças e jovens para os riscos de crescerem em um mundo tão desigual,onde a violência passa a ser a resposta de muitos e a tristeza passa a ser a companheira de outros.
E finalmente, devemos criar a esperança de que é possível umBrasil diferente. Aonde o papai Noel poderá trazer presente mais caro ou mais simples, mas não esquece de passar na casa de nenhuma criança seja classe média, baixa ou alta.
O caminho para isso esta na educação de todas as crianças para que elas quando adultas tenham condições de ajudar papai Noel a conhecer o endereço de suas casas e chegar até seus filhos. Tambémpara melhorar a vida de cada criança rica no Brasil que precisam garantir que não haja pobreza para nenhuma criança brasileira.

Os Instrangeiros

Na véspera de natal de 1998, um jornal de São Paulo descreveu o turismo de uma família de excluídos em um shopping da cidade.
O turista não podia comprar nada, como se estivessem no...
tracking img