Os desafios da contemporaneidade e a atuação do profissional de serviço social.

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3064 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]
SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
SERVIÇO SOCIAL

LORENA NOGUEIRA SALDANHA











Os desafios da Contemporaneidade e a atuação do profissional de Serviço Social.






















IBOTIRAMA
2009



LORENA NOGUEIRA SALDANHA









Os desafios da Contemporaneidade e a atuação do profissional de Serviço Social.Trabalho apresentado ao Curso de Serviço Social da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a disciplina de Psicologia Geral.


Orientador: Gleiton Luis de Lima












Ibotirama
2009




sumário




1.INTRODUÇÃO01


2.DESENVOLVIMENTO
2.1 DELIMITAÇÃO DO OBJETO 02
2.1FundamentaçãoTeórica 05

3.CONCLUSÃO 104.REFERÊNCIAS 11

































1.INTRODUÇÃO

A complexidade da realidade social na contemporaneidade trás para o Serviço Social novos, desafios para a intervenção profissional exigindo uma redefinição nos parâmetros teóricos,metodológicos, éticos e políticos.
Na verdade, o que está sendo colocado como desafio para o Serviço Social está vinculado na tensão entre as mudanças globais e as mudanças particulares. Ao se inserir num projeto ético-político engajado num projeto nacional e popular, ele sofrerá os avanços e recuos diante dos movimentos sociais e do papel do Estado.
Pensar a participação como açãopolítica de sujeitos profissionais no planejamento e na gestão do seu fazer profissional implica a adoção de alguns pressupostos tais como: o agir profissional decorre de fatores endógenos a uma determinada profissão, mas não só destes; a realidade social em que esta ação se desenvolve e as condições sócio-históricas – estruturais e conjunturais - têm forte impacto no trabalho profissional, e devemser consideradas não como determinantes, mas como condições a serem enfrentadas.

Nesta perspectiva, os grandes desafios impostos ao Serviço Social na contemporaneidade se direcionam para o engajamento nas lutas sociais, a incorporação de um projeto ético-político voltado para a construção de uma sociedade igualitária, justa e inclusiva, e a recuperação da crença de que os sujeitoshistóricos são capazes de construírem novos padrões de sociabilidade.

É, pois, o propósito deste texto, servir como um instrumento de reflexão e de debate a uma categoria profissional que tem realizado um grande esforço teórico-metodológico para atualizar sua ação profissional e sintonizá-la com os interesses de uma população cada vez mais pauperizada2.DESENVOLVIMENTO
2.1 O Espaço ocupacional do Serviço Social
Se bem foi constatado através de investigações sobre o mercado de trabalho de Serviço Social realizadas em diversas regiões, que no Brasil ainda não tem ocorrido uma redução global de demandas de Assistentes Sociais, encontramos , uma sensível diminuição de postos de trabalho no Estado, (vagas que já não são mais preenchidas) comcortes dos recursos orçamentários para as políticas sociais e um aumento de trabalhadores voluntários e de terceirização dos serviços.
Nas últimas décadas, o Serviço Social, profissão marcada pelo assistencialismo e por uma ação servil aos interesses dominantes, sofre o impacto das aspirações populares e, sob novas bases filosóficas, teóricas e éticas, dá início a um novo projeto...
tracking img