Os conflitos entre newton e leibniz e suas formas de apresentação do cálculo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2572 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
OS CONFLITOS ENTRE NEWTON E LEIBNIZ E SUAS FORMAS DE APRESENTAÇÃO DO CÁLCULO
DIEGO ALAN FREITAS DA CRUZ1 FLÁVIA PEREIRA DA ROCHA2 JOSÉ CARLOS VASCONCELOS E SILVA3 LUCAS MIRANDA PAIVA4 MARCOS PAULO DOS SANTOS VULCÃO5 CARLOS ALBERTO DE MIRANDA PINHEIRO6

Resumo: O cálculo possui diversas formas de aplicação e é de suma importância na história da matemática, assim como para os mais variados ramosda ciência onde seja necessária a resolução de problemas que podem ser modelados matematicamente e necessita de uma solução otimizada. Seu estudo já é realizado desde a antiguidade, embora seu formalismo só tenha consolidado na Idade Moderna por Sir Isaac Newton e Gottfried Wilhelm Leibniz. Entretanto, é existente uma certa dúvida em quem possui os devidos créditos e remete a um instigante debateentre esses dois ilustres nomes da ciência. Palavras-chave: Cálculo, Newton, Leibniz. Abstract: The calculus has various application forms and is relevant in the history of mathematics, as well to several branches of science wherever a problem can be mathematically modeled and an optimal solution is needed. The studies are done since the ancient period, although the formal study has just beenconsolidated in the modern period from Sir Isaac Newton and Gottfried Wilhelm Leibniz. Even so, there’s a doubt that who must deserve the credits and put us in a instigating debate between these two illustrious scientists. Keywords: Calculus, Newton, Leibniz. 1. Introdução Inicialmente será mostrada a história da construção dos conceitos básicos da derivação e integração, passando pelas épocas daAntiguidade até a Idade Moderna, onde será dada ênfase aos estudos de Sir Isaac Newton e Gottfried Wilhelm Leibniz e de que forma contribuíram para os estudos do cálculo. Finalizar-se-á então que não houve somente um dito “criador” ou “inventor” do tal estudo, cabendo os merecidos créditos não só a eles como a vários outros renomados cientistas.

O presente artigo tem como objetivo apresentar ahistória do cálculo diferencial e integral, focando nas contribuições de Newton e Leibniz, motivo dos tais serem, no geral, citados como peças de uma “guerra” no mundo científico.

Graduando em Licenciatura Plena em Ciências Naturais com habilitação em Física pela Universidade do Estado do Pará. 2 Graduanda em Licenciatura Plena em Ciências Naturais com habilitação em Física pela Universidade doEstado do Pará. 3 Graduando em Licenciatura Plena em Ciências Naturais com habilitação em Física pela Universidade do Estado do Pará. 4 Graduando em Licenciatura Plena em Ciências Naturais com habilitação em Física pela Universidade do Estado do Pará. 5 Graduando em Licenciatura Plena em Ciências Naturais com habilitação em Física pela Universidade do Estado do Pará. 6 Orientador mestre em EducaçãoMatemática e Professor da Universidade do Estado do Pará

1

O motivo levado a esse foco de estudo é levar a reflexão, que será exposta pelo decorrer do conteúdo do artigo, de como e quais métodos foram utilizados no estudo do cálculo tanto por Newton, quanto por Leibniz. 2. O início do estudo do cálculo

chamava de métodos dos fluxos e fluentes) (WIKIPEDIA). Ele contou com apoio dediversas pessoas para o desenvolvimento de suas idéias. Um deles foi Isaac Barrow, que na época era detentor da Cadeira Lucasiana da Matemática da Universidade de Cambridge. Segundo SASTRY (2001) Barrow pode ser considerado como precursor do estudo do cálculo visto que foi publicado na própria universidade, um trabalho sobre método das tangentes, o que, inclusive, este fato foi usado por newtonianos naera da disputa da detenção da invenção do cálculo, pois Leibniz, como veremos nas seguintes seções, visitou Londres e teve acesso a o trabalho de Barrow e vários matemáticos, porém HALL (1980), comenta que o trabalho de Leibniz não poderia ter sido influenciado com os estudos feitos na Inglaterra. SASTRY (2001) ainda ressalta que “embora isto não possa significar necessariamente que Leibniz...
tracking img