Os agregados macro economicos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1181 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução

Este trabalho tem por escopo analisar um dos pilares da ciência econômica, que é a macroeconomia, incutindo no acadêmico noções sobre suas principais características, concentrando-se no comportamento agregado da economia, bem como em suas tendências.
Nesse sentido, investigam-se, através de pesquisa bibliográfica, questões como os principais agregados, instrumentos de políticasmacroeconômicas e estrutura da análise econômica, discorrendo, da forma mais clara e sucinta possível, sobre tais pontos.
Aliás, frise-se que se trata de um tema de grande relevância na sociedade contemporânea capitalista, principalmente em razão das recentes crises econômicas globais, bem como em função da necessidade de conhecer o universo econômico que nos cerca.

A MEDIDA DA SOCIEDADEECONÔMICA

O Produto Nacional

Segundo Marco Vasconcelos e Manoel Garcia, “Produto Nacional (PN) é o valor de todos os bens e serviços finais, medidos a preços de mercado, produzidos num dado período de tempo.”.
Vale mencionar que o produto nacional pode ser a preço de mercado e a custo de fatores. Produto nacional a preço de mercado é aquele transacionado em seu valor final, ou seja, aquele pagopelo consumidor. Já o produto nacional a custo de fatores pode ser compreendido a partir dos valores de custo de produção e remuneração de fatores.
Trata-se de produto medido pela ótica de quem produz e vende (ótica de produção).

A Renda Nacional

Renda Nacional (RN) é a soma dos rendimentos pagos aos fatores de produção no período. Ou seja, é a soma dos valores pagos aos proprietários dosfatores de produção pela utilização de seus serviços produtivos.
Assim, os valores recebidos pelos proprietários podem compreender o custo dos fatores, salários e ordenados, juros, aluguéis, lucros etc.

A Despesa Nacional

Despesa Nacional (DN) é o gasto dos agentes econômicos com produto nacional. Revela quais são os setores compradores do produto nacional. Portanto, é medido pela ótica dequem compra (ótica da despesa).
Diante do acima exposto, forçoso concluir que o produto nacional é igual à renda nacional somada à despesa nacional.

A Formação da Renda

Até a crise econômica de 1930 os economistas acreditavam que o mercado se equilibrava por si só, não necessitando, portanto, da interferência estatal na manutenção da economia.
Porém, com a crise retro, surge a necessidadeda interferência estatal, com isso, a macroeconomia tem como desígnio o equilíbrio da intervenção do Estado nas relações econômicas.
Portanto, nas palavras de Marco Vasconcelos e Manoel Garcia “a política de renda refere-se à intervenção direta do governo na formação de renda (salários, aluguéis), através de controle e congelamento de preço”. Atualmente, no Brasil, podemos citar o exemplo dosalário mínimo.
Insta salientar, ainda, que podem ser considerados no âmbito das políticas monetárias alguns tipos de controle exercidos pelo Estado, como a controle de taxas de juros e da taxa de câmbio, por exemplo.

Os Agregados Macroeconômicos


Inicialmente, vale consignar que a economia é uma ciência ampla, abrangendo diversas áreas e ramos do saber. A macroeconomia busca explicar osfenômenos econômicos com base no todo, e não em partes.
Assim, são vários os agregados macroeconômicos como produto, renda e despesa nacionais, como já acima expostos. Porém, outros agregados são importantes para o bem desenvolvimento da atividade econômica, como, por exemplo, poupança, investimento e depreciação.
A poupança é a renda nacional não consumida em determinado período, ou seja, poupançaé a renda nacional menos consumo. Por sua vez, o investimento pode ser compreendido como gasto de renda destinado a aumentá-la, aumentando, assim, a capacidade de produção da economia. Já a depreciação é o gasto a que é submetido o bem de capital (o que gera riquezas) em função de sua utilização ou manutenção, dessa forma, existe o desgaste natural do bem.
Com base no exposto acima, pode-se...
tracking img