Origem dos conflitos arabes

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (272 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
As origens do conflito árabe- israelense remontam ao período que segue à Primeira Guerra Mundial.

Com a derrota dos turcos e a desintegração de seu império, a Ligadas Nações aprovou, em, 1922, a Declaração Balfour, proposta em 1917 pelo chanceler inglês Lord Balfour, que colocou a palestina sob o governo da Inglaterra.Comprometendo-se a criar o Estado Nacional judeu na região, a tutela inglesa ativou a emigração judaica entre judeus e árabes.

Nos anos que antecederam a guerra, um númerosignificativo de judeus residentes nos países europeus e nos Estados Unidos passou a emigrar para a palestina com o intuito de fundar um estado judeu nas terras queconsideravam sagradas.
Emigração conhecida como Sionismo – liderada por Theodor Herlz.
Ele pretendia unir os judeus de todo o mundo em torno de um objetivo comum, queera a criação do Estado de Israel na Palestina.
Com esse movimento ele conseguiu grande ajuda financeira que possibilitou a migração de milhares de judeus para apalestina e que comprassem as melhores terras de lá.
A continuidade da colonização judaica na Palestina passou a desagradar os árabes.
Eles reivindicavam aos ingleses acriação de um Estado árabe na Palestina. A falta entre os árabes, judeus e britânicos pela partilha da região aumentou o clima de tensão.
A perseguição e o extermíniodos judeus na Segunda guerra mundial resultaram numa pressão internacional.
Isso em prol da criação dos estados de Israel, para abrigar os sobreviventes doholocausto.
Fim da guerra.
Com o fim da guerra a Inglaterra anunciou a retirada de suas tropas na região, gerando condições mais propicias para a criação dos dois estados.
tracking img