Origem do xasdrez

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2382 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A origem do xadrez é certamente o maior mistério existente no mundo. Infelizmente os historiadores não conseguem chegar a um consenso sobre o lugar de onde se originara o xadrez. O documento mais antigo é provavelmente a pintura mural da câmara mortuária de Mera, em Sakarah (nos arredores de Gizé, no Egito). Ao que parece, essa pintura, representa duas pessoas jogando xadrez e data deaproximadamente 
3.000 anos antes da era cristã.
1. Partidas de 60 minutos para cada jogador passam a ser ritmo de xadrez pensado. Partidas no ritmo de xadrez rápido passam a ficar no intervalo: [15’ a menos de 60’]A partir de 1º de julho, torneios no ritmo de 60 minutos ko passam a ser no ritmo de xadrez pensado e válidas para rating CBX.
2. Qualquer jogador que chegar atrasado perderá a partida. Asregras de competição podem especificar de outra forma. (*)A lei sugere que não se aceite atrasos.Mas, o regulamento específico da competição poderá estabelecer por exemplo que o jogador perderá a partida se chegar com atraso superior a 15 minutos. Fica portanto a critério do organizador tolerar ou não atrasos. Mas, isso deverá ficar claro no regulamento da competição.(*) Reunião do Board da FIDErealizada em Istambul em março abriu esta possibilidade.
3. O árbitro deverá corrigir os tempos de relógios que estejam incorretos. O texto da lei atual é impreciso; fala sobre ajuste dos tempos antes de começar a partida e sobre substituição de relógios defeituosos. Agora está bem claro que o árbitro pode intervir e ajustar os tempos dos relógios, caso seja necessário. A regra permite o árbitroregule os relógios digitais que foram ajustados erradamente no início da sessão.
4. A nova lei proíbe os empates de comum acordo, sem a permissão do árbitro.A partir de julho, empates de comum acordo (a exemplo dos atrasos) só serão possíveis se houver previsão no regulamento específico do torneio. O regulamento poderá proibir os empates em menos de determinado número de lances, ou mesmo, em nenhumahipótese.
5. A punição para reivindicação de empate (repetição de posições… art. 9.2 e 50 lances… art.9.3 – feita incorretamente) será apenas de acréscimo de 3 minutos para o adversário do jogador reivindicante. A nova redação simplificou bastante o ritual. O árbitro ajustará apenas o tempo do relógio do adversário. Não mais reduzirá o tempo do reivindicante.
6. Nas reivindicações de empate combase no art. 9. 2, 9.3 (9.5) e 10.2, o jogador deverá chamar o árbitro e poderá (ou não) parar os relógios. Na lei atualmente em vigor, o jogador é obrigado a parar o relógio antes de chamar o árbitro. Os árbitros não são obrigados a intervir quando a reclamação não segue o ritual de parar o relógio antes de fazer a reclamação. Ficou claro que o jogador pode ou não parar o relógio, mas o árbitrodeverá intervir e analisar a reivindicação.
7. Foi acrescentado ao artigo 7.4 parágrafo ressalvando que o adversário do jogador que fizer 3 lances ilegais na partida somente ganhará o ponto inteiro se tiver material para dar mate. Isso já está subentendido na atual lei do xadrez. Caso um jogador cometa o terceiro lance ilegal na partida, é evidente que o adversário só pode ganhar ponto inteiro, setiver material para dar mate no adversário. Caso o mate não seja possível, o resultado correto será o empate.
8. Sem permissão do árbitro é proibido portar celular ou qualquer outro dispositivo eletrônico exceto se estiver desligado. O jogador, entretanto, perderá a partida se o dispositivo produzir ruído. A nova lei admite que o jogador porte celular durante a partida, desde que estejadesligado. Mas, continuam as restrições quanto ao uso do celular durante e partida. Se o celular tocar, o jogador perderá a partida.
9. O jogador poderá apelar contra qualquer decisão do árbitro, a menos que o regulamento da competição especifique de outra forma. O texto demonstra preocupação do legislador com as decisões do árbitro que são definitivas (não cabem recurso). Ex: 10.2. Abre, então, a...
tracking img