Oriental

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2423 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UEPB - UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA
CEDUC – CENTRO DE EDUCAÇÃO
DEPATARMENTO DE GEOGRAFIA E HISTÓRIA
Curso de História







O Martelo das Feiticeiras [Fichamento]




































Campina Grande, 15 de março de 2010.



Breve Introdução Histórica





➢ “Segundo amaioria dos antropólogos, o ser humano habita este planeta há mais de dois milhões de anos. Mais de três quartos deste tempo a nossa espécie passou nas culturas de coleta e caça aos pequenos animais. Nessas sociedades... as mulheres possuíam um lugar central.” (§. 2;pág.5)
➢ “Em nosso tempo ainda existem remanescentes dessas culturas, tais como os grupos mahoris (Indonésia), pigmeus ebosquímanos (África Central). Nesses grupos, a mulher ainda é considerada um ser sagrado, porque pode dar a vida e, portanto, ajudar a fertilidade da terra e dos animais.____... o princípio masculino e o feminino governam o mundo juntos.” (§ 3; pág.5)
➢ “Nas sociedades de caça aos grandes animais, que sucedem a essas mais primitivas, em que a força física é essencial, é que se iniciaa supremacia masculina. ____... nas sociedades de caça a mulher era considerada um ser sagrado, que possuía o privilegio dado pelos deuses de reproduzir a espécie. Os homens se sentiam marginalizados nesse processo e invejavam as mulheres. Essas primitiva “inveja do útero” dos homens é a antepassada da moderna “inveja do pênis” que sentem as mulheres nas culturas patriarcais maisrecentes.”(§4;pág. 5)
➢ “A inveja do útero dava origem a dois ritos universalmente encontrados nas sociedades de caça. O primeiro é o fenômeno da couvade, em que a mulher começa a trabalhar dois dias depois de parir e o homem fica resguardo com o recém-nascido, recebendo visitas e presentes... O segundo é a iniciação dos homens.Na puberdade eles são arrancados pelos homens ás suas mães, para sereminiciados na “casa dos homens”. Em quase todas essas iniciações, o ritual é semelhante: é a imitação cerimonial do parto com objetos de madeira e instrumentos musicais.”(§5;pág. 5 e 6)
➢ “Ao contrário da mulher, que possuía o “poder biológico”, o homem foi desenvolvendo o “poder cultural” à medida que a tecnologia foi avançando. Enquanto as sociedades eram de coleta, as mulheresmantinham uma espécie de poder, mas diferente das culturas patriarcais. ”(§6; pág. 6)
➢ “É só nas regiões em que a coleta é escassa, ou aonde vão se esgotando os recursos naturais vegetais e os pequenos animais, que se inicia a caça sistemática aos grandes animais E aí começam a se instalar a supremacia masculina e a competitividade entre os grupos na busca de novos territórios. __... parasobreviver, as sociedades têm de competir entre si por um alimento escasso. As guerras se tornam constantes e passam a ser mitificadas. O homem ainda não conhece com precisão a sua função reprodutora e crê que a mulher fica grávida dos deuses. (§8; pág. 6)
➢ “É no decorrer do neolítico que, em algum momento, o homem começa a dominar a sua função biológica reprodutora, e. podendocontrolá-la, pode também controlar a sexualidade feminina. Aparece então o casamento ___ ... em que a mulher é propriedade do homem e a herança se transmite através da descendência masculina.”(§ 9; pág. 7)
➢ “Hoje há consenso entre os antropólogos de que os primeiros humanos a descobrir os ciclos da natureza foram as mulheres, porque podiam compará-los,com o ciclo do próprio corpo. __...mas foram os homens que a partir da invenção do arado, sistematizaram as atividades agrícolas, iniciando uma nova era, a era agrária.”(§10;pág. 7)
➢ “Para poder arar a terra, os grupamentos humanos deixam de ser nômades. São obrigados a se tornar sedentários.Dividem a terra e formam as primeiras plantações. Começam a se estabelecer as primeiras aldeias,depois as cidades,as...
tracking img