Orientação sexual

Orientação Sexual
O tema sexualidade, quando trazido para as escolas, na maioria das vezes gera polêmica e é muito difícil de ser tratado. Mas afinal, de quem é a responsabilidade de educarsexualmente os jovens?
Inicialmente diríamos que a responsabilidade é dos pais, da escola, enfim da sociedade como um todo. Mas na realidade, hoje a escola é que possui cada vez mais esta responsabilidade deeducar os alunos para uma sexualidade saudável, tanto para as crianças quanto para os adolescentes. A orientação sexual amplia o universo de valores e informações dos alunos e contribui para suasescolhas e é fundamental na formação da personalidade, pois é uma necessidade básica do ser humano, estritamente relacionada aos pensamentos e ações.
Uma característica natural de todas as crianças é acuriosidade, e a primeira curiosidade é "de onde é que eu vim?", "para onde é que eu vou?", "quem sou eu?". Parte dessa curiosidade tem a ver com a sexualidade, e o não esclarecimento dascuriosidades das crianças e jovens pode gerar angústias e tensões, influenciando assim, no desenvolvimento da personalidade. Por isso é tão importante dar a explicação certa e tirar todas as dúvidas quesurgirem. Sendo a escola um lugar de curiosidades, sonhos, medos, idéias, aprendizagem, conquistas, descobertas etc., esta não pode excluir as manifestações da sexualidade e, sim criar um espaço de discussãoaberta e franca sobre ela, deixando de lado os próprios preconceitos, permitindo que cada um se mostre como é: com suas dúvidas, conflitos e medos.
É necessário que o educador tome consciência de queas manifestações da sexualidade infantil constituem-se em aspectos naturais e integrantes do desenvolvimento humano. Os profissionais da educação também devem estar atentos às diferentes formas deexpressão dos alunos, que podem significar uma necessidade não verbalizada de discussão e compreensão de algum tema condizente à sexualidade. Certamente hoje a sexualidade é tratada de forma mais...
tracking img