Organização social no brasil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 20 (4993 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 5 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Anhanguera – Uniderp
Pólo de apoio presencial – Barra do Corda - MA
Curso – Serviço Social
Disciplina – Organização Social no Brasil
Profª. EAD – Edilene Garcia
Tutora presencial – Susanny Monteiro Soeiro
Alunos (as) – Maria Lisiê Sá Ferreira RA – 336568
Maria Rosania Taveira RA – 341763
Jaison Sousa FerreiraRA – 337902
Patrícia Lima Cortez RA – 338302
Priscila Silva Sousa RA - 340630

“Cine Social: Uma reflexão sobre as organizações no Brasil”

Barra do Corda-Maranhão
2012

Carandiru
DIREÇÃO: Hector Babenco;
ANO: 2003;
GÊNEROS: Drama e Policial;
ROTEIRO: Hector Babenco, Fernando Bonassi e Victor Navas;BASEADO EM: livro de Drauzio Varella chamado 'Estação Carandiru';
PRINCIPAIS ATORES: Luiz Carlos Vasconcelos (Médico Drauzio Varela); Milton Gonçalves (Chico); Ivan De Almeida (Nego Preto); Aílton Graça (Majestade); Maria Luísa Mendonça (Dalva); Aída Lerner (Rosirene); Rodrigo Santoro (Lady Di); Gero Camilo (Sem Chance); Lázaro Ramos (Ezequiel); Caio Blat (Deusdete); Wagner Moura (Zico);Floriano Peixoto (Antônio Carlos); Júlia Ianina (Francineide); Sabrina Greve (Catarina); Vanessa Gerbelli (Célia); Ricardo Blat (Claudiomiro); Leona Cavalli (Dina); Milhem Cortaz (Peixeira); Gabriel Braga Nunes (Sérgio); Antônio Grassi (Seu Pires); Rita Cadillac (ela mesma); Enrique Diaz (Gílson); Sabotage (Fuinha); Dionisio Neto (Lula); Robson Nunes (Dada); André Ceccato (Barba) e Sérgio Loroza (PapaiNoel).

SINOPSE: "Um médico se oferece para realizar um trabalho de prevenção a AIDS no maior presídio da América Latina, o Carandiru. Lá ele convive com a realidade atrás das grades, que inclui violência, superlotação das celas e instalações precárias. Porém, apesar de todos os problemas, o médico logo percebe que os prisioneiros não são figuras demoníacas, existindo dentro da prisão,solidariedade, organização e uma grande vontade de viver”.

O filme mostra claramente o trabalho realizado por um médico com o intuito de prevenir a AIDS dentro de um presídio, a convivência dia-a-dia com a realidade atrás das grades, que inclui cenas de violência das mais chocantes que um ser humano pode ver ou viver, além da superlotação das celas, instalações precárias, uso de drogas e violência.
Nomesmo filme é relatada a vida dentro de uma penitenciária brasileira, da forma mais cruel e direta possível. Vimos uma penitenciária sem organização social, falamos aqui de organização no sentido de ordem, de organizar o Carandiru como local onde habitam pessoas e não monstros, com ausência de políticas públicas que venham transformar a história daquele presídio.
Percebe-se também a omissão dopoder público em relação à segurança no presídio, pois é constante o uso de drogas e porte de armas pelos presos.
A história é cruel, difícil de “curtir”, mas mostra a capacidade de adaptação do ser humano nos ambientes mais inóspitos, assim como companheirismo, amor, amizade e a mais variada multiplicidade de desejos e sentimentos humanos.
Assistimos à ótica do profissional de saúde, para o qualnão existe assassino ladrão ou estuprador, mais sim uma pessoa que precisa de cuidados.
Concluímos então essa parte convictos de que somente a compreensão e o amor recíproco entre os homens podem fazer com que os mesmos se ajudem independente da situação e realidade social de cada um.
Cidade de Deus
* Sinopse
Buscapé (Alexandre Rodrigues) é um jovem pobre, negro e muito sensível, quecresce em um universo de muita violência. Buscapé vive na Cidade de Deus, favela carioca conhecida por ser um dos locais mais violentos da cidade. Amedrontado com a possibilidade de se tornar um bandido, Buscapé acaba sendo salvo de seu destino por causa de seu talento como fotógrafo, o qual permite que siga carreira na profissão. É através de seu olhar atrás da câmera que Buscapé analisa o...
tracking img