Ordem unida

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2697 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1 INTRODUÇÃO



Ordem unida é a aptidão individual e consciente altamente motivada pelo policial militar, para a obtenção de determinados padrões coletivos de uniformidade, disciplina, sincronismo, coesão e garbo.

A ordem unida deve ser considerada por todos os envolvidos no processo - comandante e executante - como um efetivo esforço para a demonstração da própria disciplina policialmilitar, isto é, a situação de pronto acatamento às ordens que se estabelecem voluntariamente entre os policiais militares, em vista da necessidade de eficiência no cumprimento de nossa missão institucional.



2 OBJETIVO



Este trabalho tem por finalidade elucidar nos campos teórico e prático os movimentos e comandos de ordem unida em deslocamento sem fuzil.



3 UNIDADE DIDÁTICA: I- MODOS DE DESLOCAMENTO



3.1 Passo sem cadência



É o passo executado na amplitude que convém ao policial militar, de acordo com a sua conformação física e com o terreno. No passo sem cadência, o policial militar é obrigado a conservar a atitude correta, a distância e o alinhamento, sem conversar.







3.2 Passo ordinário



É o passo com aproximadamente 75centímetros de extensão, calculado de um calcanhar a outro e numa cadência de 116 passos por minuto. Neste passo, o policial militar conservará a atitude garbosa e marcial, sendo o passo utilizado nos desfiles de tropa.



3.3 Passo acelerado



É o passo executado com a extensão de 75 a 80 centímetros, conforme o terreno e numa cadência de 180 passos por minuto.



3.4 Correndo curtoAssim como o passo acelerado, é executado com a extensão de 75 a 80 centímetros, conforme o terreno e numa cadência de 180 passos por minuto. O que os difere do passo acelerado é o objetivo da marcha e o fardamento utilizado pela tropa.



4 UNIDADE DIDÁTICA: II - MOVIMENTAÇÃO, VOLTAS COM A TROPA FORMADA



4.1 Alto



O comando de “ALTO!” deve ser dado quando o policial militarassentar o pé esquerdo no solo; ele dará, então, mais dois passos, um com o pé direito e outro com o pé esquerdo, unindo, com energia, o pé direito ao esquerdo, batendo for- temente os calcanhares, ao mesmo tempo em que, cessando o movimento dos braços, irá colar as mãos às coxas, com uma batida, conforme prescrito para a tomada da posição de “Sentido”.



4.2 Marcar passo



O comando de“MARCAR PASSO!” deverá ser dado nas mesmas condições que o comando de “ALTO!”. O policial militar que estiver marchando no passo ordinário, executará o “Alto” e, em seguida, continuará marchando no mesmo lugar, elevando os joelhos até que os pés fiquem à altura aproximada de 20 centímetros do solo, mantendo a cadência do passo ordinário. Os braços não deverão oscilar. As mãos ficarão espalmadas(dedos unidos), como durante o deslocamento. O movimento de “Marcar Passo” deve ser de curta duração. Será empregado com as seguintes finalidades: manter a distância regulamentar entre as frações (Companhias e Pelotões); retificar o alinhamento e a cobertura da tropa, antes de lhe ser dado o comando de “ALTO!”, e quando a testa da tropa deparar com obstáculo (muro, veículo, etc.) que a impeça deprosseguir no passo ordinário.

Se o policial militar estiver em forma na posição de “Sentido”, ao ser-lhe dado o comando de “MARCAR PASSO!”, ele romperá a marcha com o pé esquerdo, permanecendo no mesmo lugar, elevando os joelhos até que os pés fiquem à altura aproximada de 20 centímetros do solo, mantendo a cadência do passo ordinário. Os braços não deverão oscilar. As mãos ficam espalmadas(dedos unidos), como durante o deslocamento.



4.4 Voltas (meia volta, direita e esquerda volver)



a) “DIREITA, VOLVER!”: A voz de execução “VOLVER!” deverá ser dada no momento em que o pé direito assentar no solo; com o pé esquerdo, ele dará um passo mais curto e volverá à direita, marcará um passo no mesmo lugar com o pé direito e romperá a marcha com o pé esquerdo.

b)...
tracking img