Ordem demolay no brasil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1090 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A Ordem DeMolay, é uma organização discreta patrocinada pela maçonaria, foi fundada nos Estados Unidos. Foi estabelecida no Brasil em 16 de agosto de 1980 pelo maçom Alberto Mansur e difere em certos pontos da tradicional americana. Devido a desentendimentos ocorridos em 1997, a legitimidade da representação da Ordem no país encontra-se em disputa judicial entre os dois Supremos Conselhos.Índice

1 Histórico
1.1 Antecedentes e fundação
1.2 Divisão em dois Supremos Conselhos
1.3 Disputas judiciais
2 Estrutura
3 Sublimes Ordens de Cavalaria
4 Unidades
5 Grande Mestre
6 Mestre Conselheiro Nacional
7 Congressos Nacionais da Ordem DeMolay
8 Morte de Alberto Mansur
9 Referências
10 Ligações externas

HistóricoAntecedentes e fundação

O fundador da Ordem DeMolay no Brasil, o maçom Alberto Mansur, tomou conhecimento da existência da ordem em 1970, através da leitura do “The New Age – July 1969”, um comemorativo do cinquentenário da Ordem. A partir de então, interessou-se em trazê-la para o Brasil, revelando esse desejo ao Soberano Grande Comendador norte-americano George A. Newbury em 1974. Cinco anosdepois, em 1979, o então Grande Mestre Internacional C.C. “Buddy” Faulkner, líder e entusiasta da Ordem, autorizou Mansur a fundar a Ordem DeMolay no Brasil, nomeando-lhe, em 1980, Membro do Supremo Conselho Internacional e Oficial Executivo da Ordem DeMolay para o Brasil.
Divisão em dois Supremos Conselhos

Em 12 de abril 1985 Alberto Mansur se torna o primeiro Grande Mestre da Ordem DeMolay noBrasil ao ser instalado no Brasil o Supremo Conselho da Ordem DeMolay para o Brasil (SCODB), com um tratado com o International Supreme Council of the Order of DeMolay fundado por Frank Sherman Land em Kansas City, se tornando então independente e soberano em terras brasileiras, sem nenhum tipo de submissão ao ISC, seguido o princípio de Patriotismo proposto por Frank Sherman Land.

Em 1997, dozeanos após a fundação do Supremo Conselho da Ordem DeMolay para o Brasil (SCODB), ocorreu um desentendimento entre o fundador da Ordem DeMolay no Brasil, Alberto Mansur e o então Grão-Mestre da Grande Loja do Estado de São Paulo (GLESP), Salim Zugaib. Zugaib questionava o fato de que, passados doze anos, a Ordem DeMolay não havia tido outro Grande Mestre Nacional (o administrador geral da Ordem)além de Mansur. Isso resultou na criação de um supremo conselho independente, que, posteriormente, deu origem ao Supremo Conselho da Ordem DeMolay para a República Federativa do Brasil (SCODRFB).
Disputas judiciais

Sendo criado o segundo Supremo Conselho da Ordem DeMolay no Brasil, o SCODRFB, este veio a ser reconhecido pelo ao órgão denominado DeMolay International, orgão sucessor doInternational Supreme Council (ISC) fundado por Frank Sherman Land.

Os dois Supremos Conselhos passaram a disputar a legitimidade da representação da Ordem no Brasil, incluindo os direitos sobre o uso da marca “DeMolay” no país. Em 29 de julho de 2011, sentença proferida pelo Juiz Federal Substituto da 4ª Vara Federal da Bahia, no processo nº 2007.34.00.030361-6,considerou o o Supremo Conselho da OrdemDeMolay para a República Federativa do Brasil – SCODRFB como legítimo administrador das expressões “DeMolay” e “Capítulo DeMolay” no território brasileiro. Essa sentença não é a decisão final e o processo continua a correr até o seu fim.
Estrutura

A Ordem DeMolay apresenta um organização interna que é sumariamente descrita abaixo.

Diretoria executiva: Grande Mestre, Grande Mestre Adjunto,Grande Primeiro Conselheiro, Grande Segundo Conselheiro, Grande Tesoureiro, Grande Secretário

Membros Efetivos[1]: Grandes Dignitários, Grandes Oficiais (em número de 18), Presidentes de Grandes Comissões e Grandes Mestres Estaduais e Distrital
Grandes Conselhos Estaduais: 27 subdivisões, incluindo o Distrito Federal
Associação DeMolay Alumni[2]: órgão dos membros que atingiram...
tracking img