Oralidade e escrita

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (357 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Na fala


• Somos mais espontâneos, não planejamos com antecedência o que vamos falar, a não ser em situações muito formais ou delicadas.


• Temos apoio da situação física, docontexto, do conhecimento do interlocutor, das expressões faciais, dos gestos, das pausas, das modulações da voz, das referências ao ambiente.


• Podemos repetir informações explicar algumitem mal compreendido, podemos resolver dúvidas do ouvinte.

• Usamos frases mais simples, conjunções facilmente compreendidas.


• É muito comum surgirem na fala truncamentos, cortes,repetições, titubeios e problemas de concordância. Pensamos muito rapidamente e a expressão das nossas idéias pode ser, na fala, um pouco atrapalhada, pois podemos, a cada momento, corrigir eexplicar melhor.


• Usamos expressões dialetais com freqüência.


Na escrita

• Planejamos cuidadosamente o nosso texto para assegurar que o leitor compreenda nossas idéias semprecisar de mais explicações, pois não temos o apoio do contexto, ou seja, não podemos resolver dúvidas imediatamente, não dispomos de recursos como gestos, voz, expressões faciais.


• Revisamospara avaliar o funcionamento do texto e evitar repetições desnecessárias de palavras, truncamentos, problemas de concordância, regência, colocação pronominal, pontuação, ortografia.



•Utilizamos sintaxe mais complexa, que permite a exatidão e a clareza do pensamento; assim, as orações subordinadas são mais freqüentes na escrita que na fala.


• Procuramos utilizar umvocabulário mais exato e preciso, pois temos de procurar a palavra adequada.



• Evitamos gíria e expressões coloquiais, principalmente quando o texto é formal.


|LINGUA ORAL|LÍNGUA ESCRITA |
|FALA |ESCRITA...
tracking img