Ophioscorodon e sativum.

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1308 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO




As plantas são utilizadas desde os tempos pré-históricos como tratamento para várias patologias, antigamente não existia comprovação científica sobre os efeitos terapêuticos, mais isso mudou com a evolução da medicina, que começou a estudar as propriedades medicinais das plantas, com intuito de identificar as substâncias que possuem propriedades farmacológicas. Desdeentão possui milhares de plantas utilizadas como medicamento.

Hipócrates foi o primeiro a descrever o uso terapêutico do alho, como diurético e laxante. Plínio e Galeno, médicos romanos também utilizavam o alho para o tratamento de infecções intestinais, problemas digestivos, pressão alta, senilidade e impotência. O alho além de ser utilizado na culinária, também serve para tratamento devárias doenças, o seu cultivo ocorre em clima frio e possui vários nutrientes, entre eles, o zinco e o selênio. A alicina que também esta presente no alho é responsável pelo odor forte que ele possui.

O alho mesmo sem comprovação científica era utilizado como antitérmico, expectorante e antisséptico, Egito, Grécia e Índia, já utilizavam como forma medicinal, na idade Média, era considerado tãopoderoso, que a cultura popular consagrou o seu uso. Japão, Estados Unidos e alguns países da Europa já acreditavam que alguns alimentos podem apresentar melhora na saúde da população, com uma alimentação adequada e saudável observa uma melhor qualidade de vida.

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer dos Estados Unidos, homens que comem alho e cebola constantemente possui 50% menoschance de desenvolver câncer de prostata. Já existem alimentos capazes de promover o bem estar, a saúde e a redução do risco de doenças, o alho é um desses alimentos.

















Nome vulgar: Alho.




Nome científico: Allium sativum L.




Família: Liliaceae.




Sinonímia vulgar: alho-serpente, alho-bravo, alho-hortense, alho-manso,alho-ordinário e alho-do-reino.




Sinonímia científica: Ophioscorodon e Sativum.















































Descrição macroscópia

Ao observar o alho é possivel notar que ele apresenta diferentes tipos, tamanhos, colorações e forma, mas sua característica é basicamente a mesma, é composto por um bulboarrendondado, popularmente conhecido por cabeça, é o orgão do vegetal de onde se desenvolve o caule, é composto por 10 a 12 dentes podendo variar e em sua volta uma casca que pode ser branca, roxa ou rosada, um talo que se desenvolve do bulbo, fino e longo e na sua extremidade localiza-se uma flor, ele tambem apresenta folhas longas e achatadas.




Fitoquímica

Em suacomposição podemos encontrar Alicina que é o principal componente do alho, é uma substância volátil e responsável pela defesa do alho contra os microrganismos. Quando as células do alho são quebradas, libera-se uma enzima chamada aliniase que modifica quimicamente a substância alinia em alicina, que resulta no cheiro do alho. Também podemos encontrar Aliina, Inulina, Nicotinamida, Galantamina, Ácidofosfórico e Sulfúrico, Ajoeno, Alil mercaptano, Sulfeto dialil, Adenosina, Escordinina, Vitaminas A, B e C, proteínas e sais minerais.




Farmacologia

Os efeitos do alho estão relacionados à presença de sulfurados voláteis como a alicina, essa substância inibe a fosforilação da hidroximetilglutaril-Coa redutase, reduzindo o nível de colesterol plasmático, possui efeitoanti-hipertensivo por inibição da enzima conversora da angiotensina, atua sobre bactérias Gram positivas e Gram negativas destruindo os grupos SH essenciais à vida bacteriana e estimula a secreção de insulina, sendo útil no tratamento de diabéticos.

O óleo de Alho modifica as secreções brônquicas, ajudando a desobstruir as vias aéreas, ele fluidifica e desodoriza as secreções respiratórias....
tracking img