Oiikjkjkjj

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 54 (13285 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Urbanismo, cultura e globalização em Portugal: modelos analíticos e de desenvolvimento territorial1
Urbanism, culture and globalization in Portugal: analytical and territorial development Models
ISSN 2175-3369 Licenciado sob uma Licença Creative Commons

Paulo Castro Seixas

Doutor em Antropologia (Antropologia Urbana), Universidade de Santiago de Compostela, professor associado comAgregação do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas (ISCSP), Universidade Técnica de Lisboa, Lisboa - Portugal, e-mail: pseixas@iscsp.utl.pt

Resumo
As cidades têm sido concebidas como actores chave face aos processos globais desde o último quarto do século XX. Neste quadro, é fundamental perceber-se os diferentes modelos que as cidades utilizam para responder aos desafios globais. O artigoanalisa o estado da arte em Portugal na relação entre cidade e globalização nos últimos 25 anos, no âmbito das ciências sociais e sua relação com as políticas públicas. São caracterizados quatro modelos analíticos e de desenvolvimento territorial que respondem aos desafios globais: o da Metrópole, o da Metropolização, o da Intermediação Sócio-Cultural e o da Criatividade Urbana. Propõe-se, emfunção de tal síntese, uma visão multinível e sua importância no desencadear de novas políticas públicas urbanas e territoriais. Palavras-chave: Cidades. Globalização. As políticas urbanas. Estudos urbanos.

Abstract
Cities have been viewed as key actors in relation to global processes since the last quarter of the twentieth century. In this context, it is essential to understand the different modelsthat cities use to respond to global challenges.The article presents the state of the art regarding social sciences outputs on city and globalization in the last 25 years in Portugal and its relationship to public policy. Four territorial analytical and policy models to respond to global challenges are characterized: the metropolis; the metropolitanization; the socio-cultural intermediation andthe urban creativity. It is proposed on the basis of such a synthesis, a multilevel vision and its importance in triggering new urban and territorial policies. Keywords: Cities. Globalization. Urban policies. Urban studies.

¹ Este texto foi escrito a partir da Lição em Provas de Agregação, realizadas em maio de 2010 no ISCSP – Universidade Técnica de Lisboa, Portugal. Será mantida a grafiaoriginal do texto. urbe. Revista Brasileira de Gestão Urbana (Brazilian Journal of Urban Management), v. 3, n. 1, p. 55-75, jan./jun. 2011.

56

SEIXAS, P. C.

Introdução
Este texto apresenta uma revisão da literatura centrada na relação entre análise e intervenção urbanas e territoriais e globalização em Portugal nos últimos 25 anos (desde 1985 do século passado²). A (inter)dependência globalalterou substancialmente o quadro no qual as políticas públicas urbanas e territoriais se constroem e se implementam, sendo no entanto necessária uma certa distância temporal para a consciência de tal interdependência e a compreensão dos diferentes tipos de modelos de análise e interveção urbana e territorial que estão na base das políticas públicas. O objectivo deste artigo é, exactamente, fazerum ponto da situação face às análises e intervenções urbanas e territoriais em Portugal decorrentes de uma consciência em mudança relativamente aos desafios da (inter)dependência global ou ‘globalização’. A metodologia seguida foi a da revisão bibliográfica e documental, centrada na produção científica das Ciências Sociais na sua relação com o urbano e o territorial, tendo-se tido como critériocentral, na análise das publicações/documentos, a referência a um quadro transnacional. Ainda que se não tivesse recorrido a uma análise métrica, a Geografia e a Sociologia são as ciências que proporcionaram maior produção em termos de análise e propostas de intervenção, tendo a Antropologia ou a Ciência Política e a produção de documentos programáticos menor evidência produtiva. A análise de...
tracking img