Oferta x taxa de cambio

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1225 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Matriz de atividade individual Módulo: 4 Atividade: 2 Título: Efeitos de choques de oferta a partir da depreciação da taxa de câmbio Aluno: Bruno Luiz Cirino Disciplina: Economia Online Turma: 83 Introdução A taxa de cambio é uma das variáveis mais importantes na economia brasileira. Isso se deve principalmente por ter uma economia emergente, exportadora de produtos baseados em recursos naturais,importadora de bens de capital e insumos industriais. Os movimentos de desvalorizações na taxa de câmbio estão sempre associados com ganhos de saldo comercial, enquanto que períodos de grandes valorizações cambiais acabam por refletir em redução de tais saldos, senão déficits comerciais. Essa correlação entre o comportamento da taxa de câmbio e o saldo comercial, demonstra a relevância da taxa decâmbio para o comércio exterior brasileiro. Por conseguinte temse a inflação que representa o aumento persistente e generalizado do preço de uma cesta de produtos em um país ou região durante um período definido de tempo. Ela também representa a queda do poder aquisitivo do nosso dinheiro em relação a elevação do preço dos bens e serviços. (O ECONOMISTA, 2010) Há vários fatores que podem gerarinflação. O aumento muito grande do preço de um item básico na economia pode contaminar os demais preços provocando uma alta generalizada. É o caso do petróleo e da energia elétrica, por exemplo. O excesso de consumo também provoca inflação, pois os produtos tornam-se escassos ocasionando aumento de seus preços (MOREIRA). Com a inflação, se torna mais difícil renegociar alguns preços, contratos esalários, para valores mais baixos, então com o aumento geral de preços é mais fácil para que os preços relativos se ajustem. Muitos valores são bastante inflexíveis para baixo, e tendem a subir, portanto os esforços para manter uma taxa zero de inflação irão punir setores com queda de preços, lucros e empregos. Esses esforços podem também levar a deflação, que podem ser bastante destrutivas,estimulando falências e recessão. A inflação pode também provocar efeitos sobre a estrutura de produção da economia. Redistribuindo rendas e causando uma desproporção em relação ao volume de demanda para os vários setores da economia, já que os preços não mudam todos juntos e sim cada um com diferente intensidade. Outro efeito negativo pode ser a hiperinflação. Geralmente quando a inflação é resultadode políticas governamentais para aumentar a disponibilidade de moeda, a contribuição do governo para um ambiente inflacionário é vista como uma taxa sobre a moeda em circulação. Com o aumento da inflação, aumenta esse peso sobre o dinheiro em circulação, isso por sua vez promove um aumento da velocidade de circulação do dinheiro, o que por sua vez reforça o processo inflacionário em um ciclovicioso que pode levar a hiperinflação. Por conta destes efeitos negativos causados pela inflação, os bancos centrais costumam definir a estabilidade de preços como um objetivo primordial de suas políticas, como uma inflação perceptível, mas baixa, como ideal. Uma forma de controlar os preços é a taxa de juros, quanto maior é a taxa de juros, menos dinheiro circula no mercado, o que diminui a capacidadede compra da população. Consequentemente, a inflação não sobe. (EDUARDO, 2007) Curva da oferta Em um determinado mercado, o comportamento da oferta e da demanda em termos de quantidades oferecidas ou procuradas de um produto depende em larga medida do preço desse mesmo produto. De acordo com a denominada lei da oferta, verifica-se uma relação positiva entre preço e quantidade oferecida, entendidacomo o conjunto das intenções de venda dos produtores de um determinado produto, independentemente da sua concretização posterior em vendas efetivas. Assim, um aumento no preço de mercado provoca por norma um aumento da quantidade oferecida, enquanto uma diminuição naquele preço tem um impacto negativo nesta. A oferta corresponde assim à soma das intenções de venda dos produtores (empresas) no...
tracking img