Obras positivistas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1151 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Obras Positivistas
Durante os anos 1830-1842, quando escreveu sua obra prima, Cours de philosophie positive Comte. continuou a viver miseravelmente na margem do mundo acadêmico. Sofreu críticas do mundo científico por parte de importantes figuras que o ridicularizavam pela sua pretensão de submeter ao seu sistema todas as ciências.
Em 1931 Comte. iniciará seu curso de astronomia no 3°distrito da prefeitura, um curso, porém gratuito, mas destinado aos operários de Paris. Com a avante de seu curso leva ele a fazer seu prefácio: discurso sobre o espírito positivo.
A depressão e o isolamento fazem com que se entregue inteiramente ao trabalho. Entre 1851 e 1854 em sua biografia aparecem vários volumes do Sistema de Política Positiva. O ultimo volume sobre o Futuro humano prevê umareformulação total da obra sob o título de Síntese Subjetiva. Desde 1847 Comte. proclamou-se grande sacerdote da Religião da Humanidade. Institui o calendário positivista alem das divisas "Ordem e Progresso", "Viver para o próximo"; "O amor por princípio, à ordem por base, o progresso por fim”.
Antes do Curso de filosofia positiva (e principalmente em seu "opúsculo fundamental" de 1822),sempre pensou que a filosofia positivista deveria terminar finalmente em aplicações políticas e na fundação de uma nova religião.


A Lei dos Três Estados

Auguste Comte. pensa que nós não podemos conhecer o espírito humano senão através de obras sucessivas. A vida espiritual autêntica não é uma vida interior, é a atividade científica que se desenvolve através do tempo.
O espírito humano, em seuesforço para explicar o universo, passa sucessivamente por três estados:
·O estado teológico: baseado nos fatos e nas ficções de cada individuo.
·O estado metafísico: a substituição do concreto pelo abstrato. Para Comte. uma importância, sobretudo histórica como crítica e negação da explicação teológica precedente.
·O estado positivo: procura a explicação da historia, dos por quês.

AClassificação das Ciências

Uma relação próxima das ciências com o humano. Todas concretas e positivas, mas, para Comte. acredita coroar o edifício científico criando a sociologia. Um complexo entre as ciências uma depende da outra, como a concreta necessita da abstrata. Mas, se opõe ao materialismo que é a explicação do superior pelo inferior.

A Humanidade


O nascimento da sociologia tem umaimportância que não podia ter o da biologia ou o da física: ele representa o fato de que não mais existe no universo qualquer refúgio para os deuses e suas imagens metafísicas. Como cada ciência depende da precedente sem a ela se reduzir, o sociólogo deve conhecer o essencial de todas as disciplinas que precedem a sua.


Comte. repudia a metafísica, mas não rejeita a filosofia concebida como interpretaçãototalizante da história e, por isto, identificação com a sociologia, a ciência última que supõem todas as outras, a ciência da humanidade. Comte. rejeita como metafísica a doutrina dos direitos do homem e da liberdade. Deixando perceber que não existe um livre arbítrio.




A igreja católica

A religião da humanidade
Como sua intenção de estabelecer a religião da humanidade e o culto aoGrande-Ser para superar o catolicismo, baseado na sentença de que "só se destrói o que se substitui", advogou uma moderada integração feminina "e a justa incorporação na ordem moderna”. A simpatia pela causa das mulheres atribui-se a sua curta relação platônica com aquela a quem chamou de "discípula Angélica", Clotilde de Vaux, canonizada por ele como santa positivista. A morte precoce dela em 1846,suspeita-se, teria sido a principal responsável pela crise mística em que Comte. Mergulhou.



Comte., o profeta da ciência.
Apresentou-se inicialmente como um profeta dos tempos científicos, mas depois de uma grave crise emocional quis ser também uma espécie de guia da religião do progresso. É dele que vem o lema "ordem e progresso", que a bandeira brasileira cultiva até hoje no seu centro....
tracking img