Objetivos de um sistema de custos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1253 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
OBJETIVOS DE UM SISTEMA DE CUSTOS

Kaplan (1988) identificou os seguintes objetivos a serem alcançados pelos sistemas de custos:

a) avaliação dos estoques para elaboração de relatórios financeiros e fiscais, alocando os custos de produção entre produtos vendidos e em estoque;
b) controle operacional, fornecendo informações para os gerentes de produção sobre os recursos consumidos duranteo período;
c) apuração individual dos custos dos produtos. O que se verifica é que o Sistema Tradicional de Custos foi desenhado para atender satisfatoriamente bem ao primeiro objetivo, fornecendo relatórios
auditáveis e satisfazendo aos princípios contábeis geralmente aceitos, pois, na época, esses princípios consistiam na maior preocupação da administração voltada à informação dos usuáriosexternos, do fisco, dos credores e dos investidores.

O segundo objetivo deve ser atendido por meio de um sistema que forneça respostas rápidas e que siga o ciclo operacional do processo que se deseja controlar, sendo para tanto mais bem atendido por medidas de produtividade com índices físicos, não-financeiros, tais como: índices de rendimento, taxas de defeitos, quantidades produzidas, níveis deestoque físico, entre outros.
O terceiro objetivo é o que se propõe atender por meio do Sistema de Custos ABC, que foi desenvolvido em meados dos anos 80 por empresas norte-americanas e européias de forma independente. Esse desenvolvimento foi documentado em artigos e estudos de casos, por exemplo, por Cooper, nos estudos de casos das empresas Schrader Bellows e John Deere; Kaplan,
nos estudosde casos de Union Pacific e Kanthal; Cooper e Turney, nos estudos de casos de Tektronix e Hewlett-Packard (Cooper e Kaplan, 1991b); e Anderson (1995), que relatou a implantação do ABC na General Motors. A abordagem foi desenvolvida por
essas empresas, entre outras, e posteriormente seus conceitos teóricos foram refinados e tornados públicos por meio de publicações de artigos, livros e trabalhosacadêmicos de pesquisas.

SISTEMA TRADICIONAL DE CUSTOS

O Sistema Tradicional de Custos utiliza o rateio de dois estágios para atribuir os custos indiretos aos produtos produzidos ou serviços prestados. Primeiramente, os custos indiretos são distribuídos e acumulados em centros de custos e posteriormente são realocados por meio de rateios dos centros de custos aos produtos e serviços (Figura1). A alocação dos custos indiretos no primeiro estágio é bastante acurada, já que os custos normalmente têm uma relação direta com os centros
de custos.
O segundo estágio é o que pode apresentar uma considerável distorção, pois a alocação dos custos dos centros de custos aos produtos e serviços é realizada utilizando-se, como medida de rateio, direcionadores de custos, tais como: horas demão-de-obra direta, horas/máquina, custo da matéria-prima e outros.
Como muitos custos indiretos não são utilizados pelos produtos e serviços na proporção direta do volume de produção e dada a diminuição da proporção da mão-de-obra direta nos processos modernos de fabricação, o Sistema Tradicional de Custos acaba fornecendo medidas de custos distorcidas em relação aos custos realmente consumidos pelosprodutos e serviços.
Cooper e Kaplan (1988), em estudo que empreenderam, verificaram as limitações das abordagens convencionais no custeio dos produtos. Procurando mostrar como o Sistema Tradicional de Custos distorce os custos dos produtos e como essas distorções podem ser corrigidas, chegaram às seguintes conclusões:
a) a alocação dos custos dos centros de custos para os produtos (2o estágio)deve ser realizada usando bases (direcionadores de custos) que reflitam a utilização real dos recursos. Visto que muitos custos indiretos estão relacionados à complexidade da produção, e não ao volume de produção, as bases escolhidas não devem necessariamente ser de volume de produção;
b) muitos dos custos indiretos são discricionários, variando com as alterações na complexidade dos processos...
tracking img