Objetividade no ensino de história

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 43 (10643 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Ser objetivo é difícil na tarefa de tratar da Historia de um país ou pelo menos o seu começo, independentemente da origem do autor, e parece ser mais ainda quando o país em questão se transformou numa fortaleza imperial e imbatível.
É nas paginas de seu livro, que o autor Leandro Karnal se lança nessa tarefa de desnudar aspectos relevantes da formação dos Estados Unidos como nação.Tentando se esquivar da panfletagem antiamericanista, o autor põe por terra antigos mitos como aquele que diz que certas colônias como os Estados Unidos deram certo e outras como o Brasil ainda trançam as pernas no caminho em direção ao desenvolvimento, simplesmente usando argumentos como os conceitos de colônias de exploração e outras de povoamento.
Entre os elementos que devem serlevados em consideração, está o religioso. Enquanto na América ibérica a presença religiosa, sob a bandeira católica, havia o trato com o dinheiro de maneira distante e desapegada - onde o lucro e o pecado se confundiam - nas colônias do norte o pano de fundo doutrinário em que se desenrolou o estabelecimento dos colonos foi o protestantismo, onde o trabalho duro, a poupança e o temor a Deus, abriauma perspectiva totalmente diferente numa terra totalmente nova.
Deixando para traz Tudors e Stuarts, instabilidades políticas e religiosas, os colonos ingleses vieram para a América não só para conquistar terras, mas para tentar refundar dentro de cada um; novos referenciais de vida e de futuro.
Das companhias inglesas avalizadas pela coroa britânica ao contato desastroso com osíndios, da exploração de impostos à vida num território hostil, os colonos iam pouco a pouco entendendo com o próprio sofrimento, que mesmo os peregrinos um dia tem que decidir à que senhor obedecer, à que senhor servir, sob a pena de viverem eternamente entre a cruz e a espada.
E é esse despertar que fez nascer a idéia da independência, que transformou puritanos sonhadores em guerreirospuritanos.
O aspecto divino da luta pela independência, sempre esteve presente no imaginário dos que lutavam, vendo em cada lance ou acontecimento favorável à sua causa; um sinal de Deus. Nada mais tipicamente protestante e óbvio.
Do relacionamento com os nativos, da escravidão, da preocupação com a justiça e a educação no novo mundo, da criação de uma nova mentalidade, diferente, mascom raízes ainda tão presentes, o autor nos mostra um panorama da aventura dos homens, mulheres, crianças, que na bagagem traziam sonhos de fazer na nova terra, oque na terra velha lhes haviam negado.
Nunca apagaram o passado, porém queriam um presente pintado com cores não tão escuras. Queriam construir um alicerce diferente, capaz de sobreviver à eles e às gerações futuras.Traziam uma historia européia, mas eles tinham em si a convicção de que com uma ajuda vinda do céu; haveriam de criar uma nova terra prometida.
Contraditório desde a sua formação, os Estados Unidos das “treze colônias” se tornaram os Estados Unidos dos “cinqüenta estados”; do povo sofrido e perseguido, se tornaram senhores do mundo; do puritanismo fundamentalista e conservador, se tornaramceleiros de inumeráveis seitas e credos; de amantes da liberdade individual e dos povos se tornaram a polícia do mundo, ditando regras de comportamento político, econômico e social.
O que os religiosos egípcios, os guerreiros babilônios, os vaidosos gregos e os orgulhosos romanos e ingleses tentaram, os norte-americanos parecem, década a década, conseguir: o domínio estrutural do mundocivilizado, a sombra que parece vigiar as democracias, o mal necessário contra lideranças populistas, ou o grande manipulador dos sistemas financeiros, o bicho papão para o mundo islâmico e o único país a sobreviver, no contexto da globalização.
Apesar das diferenças inevitáveis, os Estados Unidos têm mostrado ser um exemplo de um objetivo firmado e cumprido desde a formação da nação: a unidade...
tracking img