Obesidade infantil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 26 (6400 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução
A palavra obesidade é composta por ob (excesso) edere (comer). Significa, portanto, comer em excesso. O excesso de gordura resulta de sucessivos balanços energéticos positivos, em que a energia ingerida é maior que a energia gasta (DGS,2004). A etiologia é influenciada por fatores biológicos, sociais e comportamentais (Brownell & Wdden,1997).
A obesidade é um problema de saúde queafeta uma elevada percentagem da população mundial. É considerada um problema grave, com uma prevalência extremamente alta e é reconhecida como um dos maiores problemas de saúde das sociedades modernas civilizadas (Blundell & Hill, 1986). A obesidade é reconhecida como um problema de saúde publica que tende a agravar-se (DGS,2004).
Alguns estudos mostram que a incidência e prevalência da obesidadenas crianças e adolescentes tem aumentado significativamente (Barth et al. por Davies, 1998). O impacto psicológico que a obesidade tem nestas faixas etárias pode ser determinante no aparecimento de perturbações que podem afetar estes indivíduos durante toda a sua vida (Dietz, 1995).
Os jovens obesos vivem em permanente sofrimento psicológico, o que é atestado pelo fraco rendimento escolar eenurese, que ocorre em alguns casos (Ajuniaguerra & Marcelli, 1991). A obesidade impede as crianças e os adolescentes de participar nas mesmas atividades dos seus pares, não só porque por vezes são incapazes de as realizar ( como no futebol ou no atletismo), mas também porque são freqüentemente alvo de chacota (na praia nos balneários, na piscina, no ginásio ou nas festas). Estes jovens procuram seisolar, considerando esta a única forma de se afastarem do tipo de humilhações a que estão sujeitos. Desta forma, e afastados do grupo de pares, os jovens obesos perdem uma boa parte das experiências que estão associadas ao crescimento mental saudável da adolescência (Bruch, 1973).
Quando uma criança é obesa é provável que venha a torna-se num adulto obeso. Os maiores fatores de risco para odesenvolvimento da obesidade são o IMC elevado na infância, a predisposição genética e o estatuto socioeconômico baixo (Dietz, 1995; Linscheid & Fleming, 1995). A prevenção da obesidade o mais precocemente possível é essencial.
A escolha do tema foi devido à curiosidade sobre o aumento de crianças obesas no universo escolar e a atual discussão pertinente a obesidade infantil, bem como suascausas, conseqüências e possíveis prevenções.
O estudo será importante, pois através deste, mostrarei a realidade do índice elevado de crianças obesas na escola, podendo servir de parâmetros e instrumento de pesquisa para futuros estudos na saúde e educação. Através do estudo de obesidade nas escolas, vamos incentivar as práticas de promoção e prevenção à saúde, com uma educação continuada, o qualproporcionará uma interação entre educadores e profissionais de saúde, visando melhor qualidade de vida.
A importância da educação precoce visa evitar que sejam futuramente crianças obesas, frustradas e com alto índice de morbidades.
Durante muitos séculos, a escola era questionada quanto à possibilidade de ser promotora de saúde, principalmente pelo tempo em que as crianças e adolescentesficavam no período de aulas convivendo com outros alunos, esse questionamento se torna realidade a cada dia demonstrado e confirmado por especialistas e estudiosos do mundo todo.
A importância da escola na saúde é confirmada sempre que citamos autores interessados em estudos e provas que demonstra o quanto é benéfico promover a saúde do escolar e prevenir futuras intercorrências, além de informar eeducar.
Segundo SHEPHERD (2002, p.6-11), a Organização Pan-americana da Saúde, desde 1995, estimula e incentiva a Iniciativa Regional de Escolas Promotoras de Saúde sempre objetivando a capacidade dos países da América Latina e Caribe na área da saúde escolar. Ele mostra a importância de se trabalhar a saúde nas escolas e um futuro promissor na mudança de paradigmas do tradicional para o ousado...
tracking img