Nutrição na velhice

Nutrição na velhice













Introdução:
Ao introduzir este trabalho iremos relatar sobre alguns aspectos nutricionais do idoso e seus respectivos fatores de grande relevância parao nosso melhor entendimento na área profissional da enfermagem.
Neste trabalho iremos observar com maior destaque que a população brasileira está tendo um maior número de idosos que nas décadaspassadas. Hoje, no Brasil, há 18 milhões de idosos no país, o que corresponde a pouco mais de 10% do total da população. Estima-se que, em 2025, essa porcentagem corresponda a 14%. Como isso enfatizamosque todos os seres vivos sofrem um natural e esperado processo de envelhecimento e, para que este ocorra da melhor forma possível, é importante estarmos preparados para enfrentar os desafios que apopulação de idosos representa, um fenômeno principal é a sua nutrição que pode refletir na velhice.


















Objetivo:
Passar informações aos colegas de turma sobre anutrição do idoso e sua respectiva alimentação de acordo com fatores que influencia no seu cuidado.























Conteúdo da palestra:
Epidemiologia; aspectos nutricionais;condições que alteram o estado nutricional do idoso; modificações fisiológicas e orientações dietéticas.























Epidemiologia - Do idoso no século 21:
Oenvelhecimento das populações - ou seja, o crescimento mais elevado da população idosa em relação aos demais grupos etários - tornou-se um fenômeno mundial. No caso brasileiro, pode ser exemplificado peloaumento da participação da população maior de 60 anos no total da população nacional, que passou de 4%, em 1940, para 8%, em 1996.
O Brasil em 1980 ocupava o 10° lugar com a base de sua populaçãoacima do 60 anos. De acordo com as estatísticas do IBGE ,em 2000 o nosso pais contava com cerca de 14,5 milhões de pessoas ,ou seja 8% da população igual ou acima da 60 anos . No ano de 2025 essas...
tracking img