Novo acordo ortografico

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1361 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO DA LÍNGUA PORTUGUESA

Desuso do trema:
Como era Como fica
Agüentar Aguentar
Bilíngüe Bilíngue
Seqüência Sequência

MUDANÇAS NA ACENTUAÇÃO:
Caso 1) Não acentua os ditongos abertos éi/ói das palavras paroxítonas (acento tônico na penúltima sílaba):
Como era Como fica
Alcalóide Alcaloide
Alcatéia Alcateia
Andróide Androide
Bóia Boia
Epopéia Epopeia
Idéia IdeiaEstréia Estreia
Jibóia Jiboia
Platéia Plateia
Paranóico Paranoico
Heróico Heroico

ATENÇÃO: ESTA REGRA É PARA PALAVRAS PAROXÍTONAS. AS PALAVRAS OXÍTONAS TERMINADAS EM ÉIS, ÉU, ÉUS, ÓI, ÓIS CONTINUAM SENDO ACENTUADAS.
Papéis, herói, heróis, troféu, troféus.
Caso 2) Palavras paroxítonas não se usa mais o acento no i / u tônicos quando vierem depois de um ditongo.
Como era Como ficaFeiúra Feiura
Bocaiúva Bocaiuva
Baiúca Baiuca
ATENÇÃO: SE A PALAVRA FOR OXÍTONA COM I / U NA POSIÇÃO FINAL (OU SEGUIDOS DE S) O ACENTO PERMANECE:
Exemplos: tuiuiú, tuiuiús, Piauí.
Caso 3) Não usa mais acento nas palavras terminadas em êem/ ôo (s)
Como era Como fica
Abençôo Abençoo
Crêem (crer) Creem
Dêem (dar) Deem
Dôo (doar) Doo
Enjôo Enjoo
Lêem Leem
Magôo (magoar) Magoo
Perdôo (perdoar)Perdoo
Povôo (povoar) Povoo
Vêem (ver) Veem
Vôos Voos
Zôo Zoo

Caso 4) Não se acentua os pares:

Pára / para
Pêlo / Pelo
Pólo / Polo
Pêra / Pera (barbicha)
Como era Como fica
Ele pára o carro Ele para o carro.
Ele foi ao Pólo Norte. Ele foi ao Polo Norte.
Ele gosta de jogar pólo. Ele gosta de jogar polo.
Este gato tem pêlos brancos. Este gato tem pelos brancos.
Comi uma pêra.Comi uma pera.

ATENÇÃO: Permanece o acento diferencial em pôde/pode. Pôde é a forma do passado do verbo poder (pretérito perfeito do indicativo), na 3ª pessoa do singular.
Pode é a forma do presente do indicativo, na 3ª pessoa do singular.
Exemplo: Ontem, ele não pôde sair mais cedo, mas hoje ele pode.

ACENTOS QUE PERMANECEM:
1) Permanece o acento diferencial em pôr/por. Pôr é verbo. Poré preposição.
Exemplo: Vou pôr o livro na estante que foi feita por mim.
2) Permanecem os acentos que diferenciam o singular do plural dos verbos ter e vir, assim como de seus derivados (manter, deter, reter, conter, convir, intervir, advir etc.).
Exemplos:
Ele tem dois carros. / Eles têm dois carros
Ele vem de Sorocaba. / Eles vêm de Sorocaba.
Ele mantém a palavra. / Eles mantêm a palavra.Ele convém aos estudantes. / Eles convêm aos estudantes.
Ele detém o poder. / Eles detêm o poder.
Ele intervém em todas as aulas. / Eles intervêm em todas as aulas.

ATENÇÃO: Será facultativo o uso do acento circunflexo para diferenciar as palavras forma/fôrma. Em alguns casos, o uso do acento deixa a frase mais clara.
Veja este exemplo: Qual é a forma da fôrma do bolo?

USO DO HÍFENA regra será para os seguintes prefixos: aero, agro, além, ante, anti, aquém, arqui, auto, circum, co, contra, eletro, entre, ex, extra, geo, hidro, hiper, infra, inter, intra, macro, micro, mini, multi, neo, pan, pluri, proto, pós, pré, pró, pseudo, retro, semi, sobre, sub, super, supra, tele, ultra, vice.
Caso 1) Usa sempre o hífen com prefixos diante da palavra iniciada por h.
anti-higiênicoanti-histórico
co-herdeiro
macro-história
mini-hotel
proto-história
sobre-humano
super-homem
ultra-humano
EXCEÇÃO: Subumano (nesse caso, a palavra humano perde o h).

Caso 2) Não se usa hífen quando o prefixo terminia em vogal diferente da vogal com que se inicia o segundo elemento.
aeroespacial
agroindustrial
anteontem
antiaéreo
antieducativo
autoaprendizagem
autoescolaautoestrada
autoinstrução
coautor
coedição
extraescolar
infraestrutura
plurianual
semiaberto
semianalfabeto
semiesférico
latinoamericano

EXCEÇÃO: O prefixo co aglutina-se em geral com o segundo elemento, mesmo quando este se inicia por o: coobrigar, coobrigação, coordenar, cooperar, cooperação, cooptar, coocupante.
Caso 3) Não se usa hífen quando o prefixo termina em vogal e o segundo...
tracking img