nova contabiidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3464 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de agosto de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR PIAUIENSE
FACULDADE MAURICIO DE NASSAU – UNIDADE TERESINA
COORDENAÇÃO DO CURSO BACHARELADO EM CIÊNCIAS CONTABÉIS


BRUNA LORENA VIEIRA FARIAS PEREIRA





PROJETO DE PESQUISA










TERESINA (PI)
2013

BRUNA LORENA VIEIRA FARIAS PEREIRA












PROJETO DE PESQUISA

Projeto de pesquisa apresentado à disciplina de Métodos eTécnicas de Pesquisa em Contabilidade I, como requisito para 2° avaliação Bimestral sob a orientação da Professora Me. Gracimar Sousa Tavares Carvalho.








TERESINA (PI)
2013
SUMÁRIO

1 TEMA 4
1.1 DELIMITAÇÃO 4
2 JUSTIFICATIVA 5
3 PROBLEMA DE PESQUISA 6
3.1 QUESTÕES NORTEADORAS 6
4 OBJETIVOS 7
4.1 OBJETIVO GERAL 7
4.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS 7
5 METODOLOGIA 8
6FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA 9
7 CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO 16
8 RESULTADOS ESPERADOS 17
9 REFERÊNCIAS 18















1 TEMA:

A nova contabilidade aplicada ao setor público

1.1 DELIMITAÇÃO DO TEMA


Aspectos teóricos acerca dos eventos patrimoniais aplicados a contabilidade no setor público no âmbito municipal.


















2 JUSTIFICATIVA

Atendência de harmonização internacional das normas contábeis parece ser uma necessidade imposta pela integração dos mercados e uma exigência de investidores e credores. No Brasil, a harmonização das práticas contábeis está em discussão no âmbito do Conselho Federal de Contabilidade (CFC), que criou o Comitê Gestor de Convergência com o objetivo de desenvolver ações para promover a harmonização das NormasBrasileiras de Contabilidade.
As diretrizes de harmonização abrangem também a contabilidade pública. Um dos pontos importantes da transição na contabilidade pública é a mudança do enfoque contábil, estritamente ligada á execução dos orçamentos públicos, abrangendo também aspectos da contabilidade patrimonial, tais como a previsão de depreciação, adoção do regime da competência para as receitas edespesas, contabilização dos bens de uso comum e relatórios de fluxo de caixa.
Considerando a necessidade de elaborar demonstrações contábeis consolidadas padronizadas, a Secretaria do Tesouro Nacional resolve: que as partes Plano de Contas Aplicada ao Setor Público(PCASP) e Demonstrações Contábeis Aplicadas ao Setor Público (DCASP), deverão ser adotadas por todos os entes da Federação até otérmino do exercício de 2014. 
Existem alguns órgãos que já estão preparados para atuar de acordo com o PCASP e DCASP já em 2013, oferecendo aos municípios brasileiros a oportunidade de se anteciparem nesta transição tão importante. Os municípios podem começar o exercício de 2013 utilizando o PCASP e, de acordo com o cronograma estabelecido por cada um, implantar as adequações necessárias em seusdepartamentos para promover a implantação total dos novos controles.
Um dos pontos principais da escolha desse tema foi justamente o entendimento da mudança do enfoque contábil, eminentemente centrado no controle orçamentário, para uma contabilidade pública patrimonial.





3 PROBLEMA DE PESQUISA

Como está acontecendo à adaptação do setor público ao reconhecimento dos eventos patrimoniais?3.1 QUESTÕES NORTEADORAS

Como será feita a interpretação dos manuais de contabilidade aplicadas ao setor público?
Como a implantação de um novo sistema de acordo com a necessidade da convergência pode garantir melhoria e desenvolvimento ao setor público?
De que maneira o profissional contábil tem buscado se adaptar as novas normas internacionais?4 OBJETIVOS

4.1 OBJETIVO GERAL

Analisar as adaptações do setor público às novas normas internacionais.

4.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Verificar o processo de reconhecimento do patrimônio público.
Demonstrar as mudanças que ocorreram no setor público relacionado ao processo de convergência das normas internacionais.
Evidenciar o processo de adaptação do setor municipal as novas normas...
tracking img