Nomenclatura e poríferos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1069 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
CLASSIFICAÇÃO E NOMENCLATURA DOS SERES VIVOS

É provável que o homem primitivo distribuísse os seres vivos em grupos: os comestíveis e os não-comestíveis, perigosos e não-perigosos etc...

No nosso dia-a-dia, temos constantemente exemplos de classificação de coisas;

A importância da classificação biológica é facilitar a compreensão da enorme variedade de seres vivos existentes; Primeiras divisões: Em dois grandes grupos: os animais com sangue e os sem sangue;

Classificação das plantas: critério utilizado foi o tamanho (árvores, arbustos, subarbustos e ervas);

Alguns Biólogos classificavam os animais de acordo com seu modo de locomoção, outros conforme o ambiente em que viviam etc. Estas primeiras classificações eram consideradas artificiais, pois utilizavam critérios quenão refletiam as possíveis relações de parentesco entre os seres vivos.

Hoje em dia classificações são naturais, pois procuram agrupar os seres vivos de acordo com o maior número possível de semelhanças, tentando estabelecer relações de parentesco evolutivo entre os mesmos.

Linnaeus desenvolveu um sistema de categorias hierárquicas: Onde espécie é a unidade de classificação e pode serdefinida como sendo “um grupo de organismos que se acasalam na Natureza e cujos descendentes são férteis”.

O atual sistema de classificação dos organismos também considera a espécie como unidade de classificação. As diferentes categorias de classificação, chamadas de categorias taxonômicas, foram ampliadas. Linnaeus elaborou um sistema de classificação onde: ESPÉCIES semelhantes são agrupadas emum mesmo GÊNERO; os GÊNEROS SEMELHANTES são agrupados numa mesma FAMÍLIA; FAMÍLIAS SEMELHANTES são reunidas numa ORDEM; ORDENS SEMELHANTES são agrupadas em uma CLASSE; CLASSES SEMELHANTES são agrupadas em um FILO ou DIVISÃO; FILOS ou DIVISÕES SEMELHANTES são agrupadas em um REINO.

Além dessas categorias, muitas vezes são utilizadas categorias intermediárias, tais como SUBFILO, INFRACLASSE,SUPERORDEM, SUPERFAMÍLIA, SUBGÊNERO, SUBESPÉCIE.

NOMENCLATURA DOS SERES VIVOS
Para facilitar a comunicação entre pessoas de diferentes nacionalidades, que falam diferentes idiomas, e entre pessoas de diferentes regiões geográficas de um mesmo país, são utilizados NOMES CIENTÍFICOS para designar as várias espécies de seres vivos. O sistema atual de nomenclatura segue a proposta de Linnaeus. É BINOMIAL, isto é, composto por dois nomes escritos em latim, ou latinizados; O PRIMEIRO NOME REFERE-SE ao GÊNERO e deve ter a inicial com letra maiúscula, ex.: Canis O SEGUNDO NOME é o EPÍTETO ESPECÍFICO e deve ser escrito com inicial minúscula, ex.: familiaris OS DOIS JUNTOS FORMAM O NOME DA ESPÉCIE, ex.: Canis familiaris, que é o cão doméstico. Os nomes científicos devem ter grafia diferenciada no texto. Se este for MANUSCRITO, deve-se passar um único traço embaixo do nome. Se for IMPRESSO pode-se, por exemplo, deixar a letra em itálico. O nome da família obtém-se acrescentando a terminação idae à raiz do nome de um dos gêneros desta família, no caso dos animais, ou acrescentando acea, no caso das plantas. Há, no entanto, exceções. Ex.: Canis familiaris pertence à família Canidae. Filo Porífera (Poríferos ou Esponjas)

Porífera: do grego poris = poro e phoros = portador; Principais características: Corpo perfurado por inúmeros poros microscópicos; Aquáticos (a maioria vive no mar); Preferência por águas costeiras, rasas e quentes; Geralmente fazem parte da comunidade de recifes de corais; Pouco mais de uma centena das quase 10 mil espécies conhecidas vive em água doce;Crescem aderidos a substratos submersos; Praticamente não se movimentam, são animais sésseis; Até meados do século XVIII foram consideradas plantas por não se movimentarem e nem responderem à estímulos;

Principais características: Possuem grande variedade de cores, formas e tamanhos; A maioria não apresenta simetria, são assimétricas; Ampla distribuição geográfica. Produção de substâncias...
tracking img