Njjgdss

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (280 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Heliópolis

A maior favela de São Paulo e a segunda mais do Brasil, com mais de um milhão de metros quadrados, cerca de 125 mil moradores (53% com até 25 anos deidade) e 19 mil imóveis.
Graças à capacidade de organização dos moradores, Heliópolis caminha para se transformar num bairro e a maior prova disso são os 40projetos de investimento em andamento hoje em áreas como moradia, saneamento, educação, saúde e esportes.
De acordo com estudo da pedagoga e mestranda na área de Paisageme Ambiente da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP, Claudia Soares, com base em dados do IBGE e do governo municipal de São Paulo, Heliópolis temabastecimento de água em 83% de seus domicílios, esgoto em 62% e rede elétrica em 94% das casas. A pavimentação cobre 97% das vias. No geral, 75% do bairro tem infra-estruturaurbana e a renda familiar média é de R$ 479,48.
De fato, quem circula pela favela se surpreende com as várias frentes de obras, como a canalização do córregoIndependência, a construção de mais de mil moradias — incluindo um conjunto de apartamentos projetado pelo arquiteto Ruy Othake(mentor do programa de urbanização dacomunidade) —, todos incluídos no Projeto de Aceleração do Crescimento (PAC) e o impressionante Centro de Convivência Educativa e Cultural de Heliópolis , um complexo quereúne, três creches, uma escola técnica estadual, uma escola de educação infantil e outra de ensino fundamental (ambas do município) e um centro cultural.
Não há umhospital infantil, o que obriga os moradores a se deslocarem 25 km por uma hora de ônibus até o Hospital das Clínicas de SP quando seus filhos ficam doentes.
tracking img