Nietzsche

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (785 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
introdução:
Friedrich Nietzsche foi um grande filosofo alemão do século XIX, que ficou conhecido por suas ideias tidas como pessimistas e chocantes para a sociedade da época. Ele acreditava que nãoexistia Deus ou almas e que a vida em si não possuía sentido ou nenhuma razão maior do que a própria vida.
Friedrich Nietzsche era formado em filologia clássica e não em filosofia. Tornou-sefilósofo, segundo ele mesmo diz, devido à leitura de Schopenhauer. Concorda com a visão de mundo deste filósofo em três questões essenciais: a inexistência de Deus; a inexistência de alma; a falta de sentidoda vida, que se constitui de sofrimento e luta, impelida por uma força irracional, que podemos chamar de vontade.

No entanto, ao contrário de Schopenhauer, Nietszche não vê a realidade repartidaem duas, o fenômeno e a coisa em si. Considera que este mundo é a única parte da realidade e que não devemos rejeitá-lo ou nos afastarmos dele, mas viver nele com plenitude.

Nietszche começa aresolver o problema de como viver em um mundo sem Deus e sem sentido fazendo um ataque à moral e aos valores existentes na sociedade que lhe é contemporânea. Segundo o filósofo, esses valores derivam decivilizações já inexistentes, como a grega e a judaica, e de religiões em que muitos - senão a maioria - já não têm fé. Precisamos, portanto, de uma nova base para assentar nossos valores.
Justiçados fracos
A civilização, de acordo com o Nietzsche, foi criada pelos fortes, pelos inteligentes, pelos homens competentes, os líderes que se destacaram da massa. Moralistas como Sócrates e Jesus,porém, negaram essa realidade em nome dos fracos.

Propagando uma moral que protegia os fracos dos fortes, os mansos dos ousados, que valorizava a justiça em vez da força, eles inverteram os processospelos quais o homem se elevou acima dos animais e exaltaram como virtudes características típicas de escravos: abnegação, auto-sacrifício, colocar a vida a serviço dos outros.
"Super-homem"...
tracking img