Nietzche

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1057 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Comentário a “ O Anticristo “ de Friedrich Nietzsche:

Artigo 59
Para o autor, o trabalho que tiveram todos os povos antigos na construção de uma cultura superior foi deitado fora. Todos os valores de uma sociedade instruída foram postos de parte. Para Nietzsche o cristianismo é das piores coisas existentes a face da terra. Ele nem tem palavras que consigam demonstrar o seu sentimento por umcrime “tão monstruoso!”.
Tudo o que era essencial para uma civilização erudita foi conquistado pelos antigos: os métodos científicos, a unidade da ciência, a busca do sentido dos factos, "o olhar livre", a "mão circunspecta", a paciência, a seriedade, a probidade do conhecimento, o tacto e o bom gosto, o corpo, o gesto, o instinto, a arte, enfim, o sim à vida. Todas estas conquistas maravilhosasda cultura antiga foram destruidas e esvaziadas pelo cristianismo.
Tudo que os antigos fizeram foi desfigurado por esses "vampiros astutos sub-reptícios, invisíveis, anémicos", sedentos de vingança, invejosos, mesquinhos que são os cristãos e especialmente os padres da Igreja (como S. Agostinho). O autor, refere que os Padres das igrejas são os seres mais falsos que existem, visto que, taissenhores são desprovidos de modéstia, de instintos bons e limpos. Nietzsche vai ainda mais longe referindo que “ eles nem sequer são homens”. E que o Islão tem muitas razoes para desprezar o cristianismo pois “… o Islão tem os homens como pressuposto”.

Artigo 60
Tal como se perderam os valores das culturas antigas, o valor da cultura do islamismo também se perdeu devido ao Cristianismo. A culturamourisca foi espezinhada, pois, esta tinha como ponto de partida, os instintos nobres e acima de tudo dizia sim à vida. Estupidamente, a nobreza alemã servia a igreja e todos os seus malévolos instintos, ou seja, foram sempre os “ suíços da igreja” no combate aquilo que de melhor e de nobre existia na Terra. Para o autor, ninguém pode ter dúvidas em escolher entre o Islão e o cristianismo., pois,“ ou se é um tschandala ou não”, ou seja, para o autor, ou nos assumimos como uma casta superior ou inferior (os cristãos cultivam o espírito da tschandala, das castas inferiores, dos escravos). Nietzsche não compreende assim como “É que um alemão alguma vez se tenha sentido cristão…”. Porquê? Se os Alemães são vistos como um povo duro, sério, ditador, forte, herdeiro da nobreza viking, como sedeixaram corromper pelos cristãos que são fracos e valorizam a humildade? Deviam ter seguido as pisadas do grande génio e espírito livre, Frederico II.
Artigo 61
Os Alemães impediram que a Europa fizesse um retorno aos valores da antiguidade, ou seja, impediram a Renascença.
A Renascença é “ a transmutação dos valores, a tentativa empreendida com todos os meios, com todos os instintos, com todo ogénio, de dar a vitória aos valores contrários, aos valores nobres...”. Para o autor, somente César Borga é que deveria ser papa, assim, hoje o cristianismo estaria completamente abafado, suprimido.
O grande responsável pela morte da Renascença foi Lutero. Como homem religioso que era, cheio de instintos de vingança, rebelou-se contra Roma. Não compreendeu o grande prodígio que estava aacontecer: a superação do Cristianismo na sus sede! Não percebeu que na cadeira do papa já não estava sentado o "pecado original" mas a vida, o triunfo da vida. Assim Lutero tirou da “cadeira do papa” a vida… Estragou tudo.
Nietzsche refere que os Alemães cometeram o crime da Reforma e até a fortaleceram com a filosofia alemã racionalista de Leibniz e Kant. Tornaram-se os principais inimigos da vidapois são possuidores de toda a sujidade de conceitos e valores e “…têm também na consciência a menos limpa espécie de Cristianismo que existir pode, a mais incurável, a mais irrefutável, o Protestantismo.”. Desta forma, os Alemães são os únicos culpados de o cristianismo existir.



Artigo 62

O autor condena o cristianismo e para ele a igreja é a maior de todas as corrupções existente na...
tracking img