Neuropsiquiatria

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 30 (7287 palavras )
  • Download(s) : 1
  • Publicado : 9 de dezembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE BANDEIRANTE DE SÃO PAULO
IDA ARACELI FERRARA DA SILVA ANTONIO

PERCEPÇÃO DA QUALIDADE DE VIDA DO TRABALHADOR NOTURNO DE ENFERMAGEM

SÃO PAULO
2009
ANDRÉIA SANTOS ROSA
CURSO DE ENFERMAGEM DO TRABALHO

QUALIDADE DE VIDA DO TRABALHADOR NOTURNO DE ENFERMAGEM: PAPEL DO ENFERMEIRO DO TRABALHO

Trabalho de Conclusão de Curso apresentado àUniversidade Bandeirante de São Paulo, como exigência do Curso de Enfermagem do Trabalho.
Orientador: Prof. Ms.: Juan A. Brandt

SÃO PAULO
2010

| |
|Rosa, Andréia Santos ||Qualidade de vida do trabalhador noturno de enfermagem: Papel do enfermeiro do trabalho / Andréia Santos |
|Rosa. São Paulo: [s.n.], 2010. |
|43 f.; 30 cm. |
||
|Trabalho de Conclusão de Curso (Pós-Graduação) – Universidade Bandeirante de São Paulo, Curso de |
|Enfermagem do trabalho. |
|Orientador: Prof. Ms. Juan A. Brandt |
||
|1. Qualidade de Vida 2. Trabalho Noturno 3. Equipe de Enfermagem I. Título |

DEDICATÓRIA

Dedico este trabalho a meu Deus que sempre me acompanhou nesta luta, sendo a companhia constante e amorosa que me fortaleceu, não permitindo que eu desistisse antes do fim.

AGRADECIMENTOS

Agradeçoprimeiramente a Deus, por ter me dado força e coragem para seguir mais esta etapa da minha vida.

Depois agradeço à minha família pelo apoio incondicional oferecido durante todos os momentos difíceis.

Agradeço ao meu orientador, Professor Juan Brandt, pelas horas de leitura, correção e compreensão.

Meus sinceros agradecimentos a todos.

RESUMO

Esta é uma pesquisa de revisãobibliográfica, de natureza descritiva qualitativa que aborda a percepção do profissional de enfermagem acerca da sua qualidade de vida, dando enfoque ao trabalhador noturno. Foram levantados artigos nacionais relacionados ao tema e indexados nas bases de dados informatizados disponíveis na WEB, publicados entre os anos de 1998 e 2008. Objetivou-se neste estudo contribuir para o conhecimento que a equipe deenfermagem tem sobre sua qualidade de vida. Para desenvolver o tema foram abordadas as alterações no ritmo biológico, os distúrbios físicos e psicológicos relacionados à mudança de horários e a relação da qualidade de vida no trabalho com a qualidade de vida geral. Trabalhando em horário noturno, resta ao profissional o dia para atender suas necessidades de sono-repouso, cuidados domésticos, lazer,compromissos sociais e outras demandas do cotidiano de cada um. O problema a ser discutido nesta pesquisa refere-se às formas adotadas por esse profissional para conciliar satisfatóriamente a vida social, familiar e os desgastes físicos, tendo uma boa percepção de sua qualidade de vida. Observou-se, no entanto, que de um modo geral, a maioria dos trabalhadores noturnos de enfermagem têm uma boapercepção de sua qualidade de vida, e que os mesmos estão felizes com seu ritmo de trabalho, apesar de observar-se os desgastes físicos e psicológicos dessa mudança de rotinas.

Palavras Chaves: Qualidade de Vida. Trabalho Noturno. Equipe de Enfermagem.

ABSTRACT

This is a research literature review of a descriptive qualitative approach to the perception of nursing staff about your...
tracking img