Nbr11941

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2293 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Cópia não autorizada

MAR 2003

NBR 11941

Madeira - Determinação da densidade
básica
ABNT - Associação
Brasileira de
Normas Técnicas
Sede:
Rio de Janeiro
Av. Treze de Maio, 13/28º andar
CEP 20003-900 - Caixa Postal 1680
Rio de Janeiro - RJ
Tel.: PABX (21) 3974-2300
Fax: (21) 2240-8249/2220-6436
Endereço eletrônico:
www.abnt.org.br

Copyright © 2003,
ABNT–Associação Brasileira de
Normas TécnicasPrinted in Brazil/
Impresso no Brasil
Todos os direitos reservados

Origem: Projeto NBR 11941:2002
ABNT/CB-29 - Comitê Brasileiro de Celulose e Papel
CE-29:004.01 - Comissão de Estudo de Madeira para Fabricação de Pasta
Celulósica
NBR 11941 - Wood - Determination of basic density
Descriptors: Wood. Density
Esta Norma substitui a NBR 11941:1979
Válida a partir de 30.04.2003
Palavras-chave: Madeira.Densidade

6 páginas

Sumário
Prefácio
Introdução
1 Objetivo
2 Referência normativa
3 Definições
4 Método para discos
5 Método para cavacos
6 Resultados
7 Relatório
ANEXO
A Bibliografia
Prefácio
A ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas – é o Fórum Nacional de Normalização. As Normas Brasileiras, cujo
conteúdo é de responsabilidade dos Comitês Brasileiros (ABNT/CB) e dos Organismos deNormalização Setorial
(ABNT/ONS), são elaboradas por Comissões de Estudo (CE), formadas por representantes dos setores envolvidos, delas
fazendo parte: produtores, consumidores e neutros (universidades, laboratórios e outros).
Os Projetos de Norma Brasileira, elaborados no âmbito dos ABNT/CB e ABNT/ONS, circulam para Consulta Pública entre
os associados da ABNT e demais interessados.
Esta Normacontém o anexo A, de caráter informativo.
Introdução
Devido ao fato de a madeira alterar seu volume pela absorção ou perda de água, é necessário expressar a densidade a
um teor especificado de umidade e volume correspondente. As condições usuais são a massa mínima (seca em estufa ou
livre de umidade) e o volume máximo (saturado em água ou verde).
1 Objetivo
Esta Norma especifica o método paradeterminação da densidade básica (massa seca em estufa a (105 ± 2)°C por
unidade de volume máximo) da madeira, na forma de discos originados da seção transversal de troncos ou na forma de
cavacos.

Cópia não autorizada

2

NBR 11941:2003
2 Referência normativa
A norma relacionada a seguir contém disposições que, ao serem citadas neste texto, constituem prescrições para esta
Norma. A edição indicada estava emvigor no momento desta publicação. Como toda norma está sujeita a revisão,
recomenda-se àqueles que realizam acordos com base nesta que verifiquem a conveniência de se usar a edição mais
recente da norma citada a seguir. A ABNT possui a informação das normas em vigor em um dado momento.
NBR 14660:2001 - Madeira - Amostragem e preparação para análise
3 Definições
Para os efeitos desta Norma,aplicam-se as seguintes definições:
3.1 densidade básica da madeira: Relação da massa seca em estufa a (105 ± 2)°C pelo respectivo volume da madeira
acima do ponto de saturação das fibras.
NOTA - O volume acima do ponto de saturação das fibras é comumente denominado volume verde ou volume saturado.

3.2 massa constante: Massa de uma amostra após secagem à t emperatura especificada até que a diferençaentre
duas pesagens sucessivas não exceda 0,5 g.
4 Método para discos
4.1 Aparelhagem
4.1.1 Balança com capacidade mínima de 3 kg e sensibilidade de 0,1 g.
4.1.2 Dispositivo para imersão dos discos em água composto por suporte, garra e haste de metal (ver figura 1).
4.1.3 Recipiente de vidro ou plástico com dimensões suficientes para permitir a imersão dos discos.
4.1.4 Estufa com circulaçãoforçada de ar, capaz de manter a temperatura em (105 ± 2)°C.

Figura 1 - Dispositivo para completa imersão dos discos de madeira
4.2 Amostragem
Se o ensaio for feito para avaliar o lote, a amostragem deve ser efetuada de acordo com a NBR 14660. Para outras
avaliações, assegurar-se de que as porções são representativas da amostra recebida.
4.3 Preparação para ensaio
4.3.1 Efetuar a preparação de...
tracking img