Nbr 10126

Norma NBR 10126 - Cotagem em Desenho Técnico.

Objetivo: Na execução de todos os desenhos técnicos sejam de detalhes ou montagem os conceitos sobre cotagem estão contemplados nesta norma.Documentos complementares: Para melhor aplicação desta norma, teremos como pré requisito o conhecimento das normas NBR 8402 – Caligrafia Técnica, NBR 8403 – Tipos de Linhas aplicadas nos desenhos técnicos eNBR 10067- Princípios gerais para representação gráfica em desenho técnico.
Definições: Para melhor aplicação desta norma adotamos por definição a Cotagem e a sua Aplicação.
Cotagem: NaRepresentação gráfica destacamos característica de cada elemento, através da aplicação de linhas, simbologia especifica notas e valores numéricos em unidade de medida, aqui no Brasil mm.
A cotagem pode ser:funcional, não funcional, auxiliar e elemento.
Funcional é quando se faz necessária para mostrar a função ou local de um objeto a ser representado.







Não funcional é quando não se faznecessária para o funcionamento de um objeto.







Auxiliar é quando será fornecida somente como informação, ela não influencia em operações de produção e de inspeção; é decorrente de outros valoresaparentes no desenho ou documentos e nela não se aplica tolerância.







Elemento é quando define uma das partes que caracteriza um objeto, por exemplo, superfície plana, cilíndrica, umressalto, um rebaixo, um filete de rosca, uma nervura, uma ranhura, um contorno, etc.
Produto acabado
É o objeto finalizado para montagem ou serviço, com uma configuração a ser executada de acordo coma representação gráfica. Este produto pode ser também uma fase pronta para posterior aplicação em um processo (por exemplo: um produto estampado, fundido ou forjado).
Aplicação
As cotas deverão seraplicadas conforme será mostrado a seguir.
A cotagem para demonstrar um detalhe de uma peça ou componente, visível e completa, deverá ser representada diretamente na representação gráfica.
A...