Nadinha

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 21 (5169 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Transfusão de hemocomponentes e hemoderivados
Distribuição e transfusão através de profissionais capacitados que atendem os Hospitais onde o serviço está instalado e também à distância que contam inclusive com toda infra-estrutura de uma agência transfusional. 
• Ambulatório de orientação médica a doadores e pacientes.
• Projetos de captação de doadores e parcerias com grandesempresas.
• Comitê Transfusional.
Qual a diferença entre hemocomponentes e hemoderivados?
HEMOCOMPONENTES: Ou Componentes Lábeis do Sangue são produtos obtidos a partir do Sangue Total por meio de Processos Físicos (centrifugação, congelamento).

HEMODERIVADOS: São produtos obtidos a partir do Plasma por meio de Processos Físico-Químicos, geralmente produzido em escala industrial (albumina,gamaglobulinas, concentrados de fatores de coagulação).
1. SANGUE TOTAL: 
- Como componente: OBSOLETO.
- Abandono progressivo.
POR QUE?
- Aporte excessivo de volume; 
- Conservação apenas das propriedades funcionais dos Glóbulos Vermelhos; 
- Lise dos Glóbulos Brancos em 24 a 48 hs; 
- Perda das propriedades funcionais das plaquetas; 
- Perda dos fatores lábeis da coagulação; 
- Formação demicroagregados.
2. Concentrado de hemácias (ch) em adultos:
Considerações gerais:
O CH constitui-se nos eritrócitos remanescentes na bolsa coletada, após a centrifugação do Sangue Total, e extração do Plasma para uma bolsa satélite. O CH deve ter hematócrito entre 65% a 75%. Deve ser armazenado a 4oC, com validade de 35 a 42 dias, conforme o tipo de anticoagulante utilizado, e um volumeaproximado de 270 a 320 ml.
Uma unidade de CH deve elevar o nível de Hb em 1,0 g/dl em um receptor de 70 Kg e que não esteja com sangramento ativo. O objetivo da transfusão de CH é o de melhorar a liberação de oxigênio.

2.1. Anemia Aguda(Classificação de Baskett):
Perda de até 15% da Volemia (Hemorragia Classe I): SEM NECESSIDADE TRANSFUSIONAL, a não ser que previamente haja anemia, ou quando opaciente for incapaz de compensar a sua perda por doença cardíaca ou respiratória prévia.

Parâmetros:
Pressão Sistólica e Diastólica: Inalteradas.
Pulso: Discreta Taquicardia.
Enchimento Capilar: Normal.
Índice Respiratório: Normal.
Fluxo Urinário: > 30 ml/hora.
Extremidades: Normais.
Cor e Textura da pele: Normais.
Estado Mental: Alerta.

Perda de 15 a 30% da Volemia (Hemorragia ClasseII): 
Infundir cristalóides e colóides; a necessidade de transfundir hemácias é pouco provável, a não ser que o paciente tenha doença pré-existente, diminuição da reserva cárdio-respiratória ou se a perda sangüínea for contínua.

Parâmetros:
Pressão Sistólica: Normal / Diastólica: Aumentada.
Pulso: 100 a 120 bpm.
Enchimento Capilar: Lento > 2 segundos.
Índice Respiratório: Normal.
FluxoUrinário: 20 a 30 ml/hora.
Extremidades: Pálidas.
Cor e Textura da pele: Pálidas.
Estado Mental: Ansioso ou Agressivo.

Perda de 30 a 40% da Volemia (Hemorragia Classe III): 
Reposições rápidas com cristalóides e colóides; a transfusão de hemácias está provavelmente indicada.

Parâmetros:
Pressão Sistólica: Baixa / Diastólica: Baixa.
Pulso: 120 bpm, Fino.
Enchimento Capilar: Lento > 2segundos.
Índice Respiratório: Taquipnéia (> 20 ipm).
Fluxo Urinário: 10 a 20 ml/hora.
Extremidades: Pálidas.
Cor e Textura da pele: Pálidas.
Estado Mental: Ansioso, Agressivo ou Sonolento.

Perda > 40% da Volemia (Hemorragia Classe IV):
Rápida reposição volêmica, inclusive com transfusão de hemácias.

Parâmetros:
Pressão Sistólica e Diastólica: Muito Baixa.
Pulso: > 120 bpm, Muito Fino. Enchimento Capilar: Indetectável.
Índice Respiratório: Taquipnéia (> 20 ipm).
Fluxo Urinário: 0 a 10 ml/hora.
Extremidades: Pálidas e Frias.
Cor e Textura da pele: Cinzenta.
Estado Mental: Sonolento, Confuso ou Inconsciente.
Tabela - Anemia Aguda
|.. |CLASSE I |CLASSE II |CLASSE III |CLASSE IV...
tracking img