Musica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2542 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
RESUMO
A Cidade na História: Suas Origens, transformações e Perspectiva.
CAPITULO III
Formas e modelos ancestrais


Os estudos a respeito das cidades, sua forma e modelos antigos, proposto pelo autor do livro no capitulo III, tem o seu desenvolvimento ligeiramente especulativo dado a falta de material consistente devido a nenhuma cidade antiga até hoje ter sido completamentedesenterrada e em mais de 05 mil anos de historia urbana se encontram espalhados por algumas dezenas de sítios apenas parcialmente explorados.
Como se não bastasse às lacunas existentes entre os anos de pesquisa e as poucas centenas de páginas de documentos escritos que podem servir de guia para um estudo válido das antigas cidades, temos também duas grandes civilizações nais quais podemos acreditas queos aglomerados humanos tomaram forma de cidade, Egito e Mesopotâmia, mas estas também apresentam contrastes gritantes entre si, o que torna difícil dar qualquer coisa semelhante que nos ajude a montar um quadro de origem das cidades.
O autor passa então a fazer um comparativo entre a cidade da Mesopotâmia e a cidade do Egito, começando dos motivos que levaram a estas cidades serem criadas asalterações que aconteceram no decorrer da sua edificação e consolidação como cidade.
Tratando de aspectos geográficos segundo o autor a cidade parece ter brotado em alguns poucos grandes vales de rios: Nilo, o Tige-Eufrates,o Indo, o Huang-Ho, isso não quer dizer que não existisse aldeias onde quer que houvesse a possibilidade de alguma forma de agricultura, criação de gado e força de trabalho paraconstruir poços e reservatórios. Todavia a marca das cidades esta longe de ser classificada apenas pelas limitações rurais, segundo o autor ela é: produto de uma enorme mobilização de vitalidade, poder e riqueza, que a principio, estiveram necessariamente confinados a uns poucos grandes rios, em regiões especialmente favorecidas.
Na questão da agricultura, a plantação de grãos duros: trigo,cevada – que foi trazida da Suméria e o sésamo, ricos em proteínas, resistentes ao estrago quando mantidos secos; grandes populações urbanas pela primeira vez podiam ser alimentadas, foram necessárias apenas à invenção da charrua e a domesticação dos animais de tiro, para tornas imensamente produtivo os solos, e ainda na cultura Mesopotâmica era comum o cultivo de Tamareira o que tornava o recursoagrícola ainda mais diversificado, a árvore em questão era farta na produção de vinhos, forros, cestos hastes para coluna, fibras para cordas e tetos.
Os rios foram às primeiras estradas, assim que os barcos foram inventados, o sistema dorsal dos caminhos dos rios servia de modelo para a criação das valas de irrigação e canais, não foi por acaso que o primeiro crescimento das cidades teve lugarem vales de rios, o aparecimento da cidade é contemporâneo dos aperfeiçoamentos da navegação, depois disso os animais e os veículos de roda e finalmente as estradas calçadas ampliaram o domínio do transporte. Com o transporte foi possível equilibrar os excedentes e dar acesso a especialidades distantes e com isso criou-se o mercado.
Com as súbitas enchentes ou inundações periódicas os cultivadoresdas aldeias eram forçados a se ajuntarem em grupos a fim de reparar os dados provenientes destas ações da natureza, também para guiar as águas ao redor de seus campos, a fim de atravessar as secas, e pra criar toda uma rede de represas, canais e obras de irrigação.
Na Mesopotâmia a ajuda entre as diferentes aldeias para superar as intempéries da natureza acaba por melhorar o grau de intercursosocial, coisa que as aldeias primitivas não atreviam a fazer, preferindo assim aceitar as suas limitações diante das ações do tempo, é lógico que com a criação de grandes grupos que agora poderiam mobiliar força de trabalho e exercer o controle em questões de interferência da natureza o aldeão passou a perder o seu poder de autogoverno, entretanto, enquanto ele se submetia as novas forças em...
tracking img