Mudança organizacional

XXVI ENEGEP - Fortaleza, CE, Brasil, 9 a 11 de Outubro de 2006

Mudança organizacional e suas implicações na aprendizagem
Anielson Barbosa da Silva (MPA/UnP) anielson@uol.com.br Luzia Fröhlich Nunes (PMA/Univali) lfnunes@redel.com.br Anete Alberton (PMA/Univali) anete@univali.br Patricia Whebber S. de Oliveira (MPA/UnP) patriciawb@unp.br

Resumo O objetivo deste estudo foi analisar asimplicações da implantação de um processo de mudança na aprendizagem organizacional, levando em considerações os fatores internos e externos em uma empresa que atua no setor de vestuário no Sul País, como estratégia de inovação organizacional. Os resultados do estudo indicaram que o processo de reestruturação da empresa levou a uma maior participação das pessoas na gestão organizacional. Isso pode serconstatado em função da introdução de um sistema de comunicação mais aberto entre os níveis; na maior flexibilidade na execução das tarefas; na difusão de valores claros orientando as pessoas dentro da organização e no aumento das responsabilidades dos níveis gerenciais. Todas essas mudanças decorrentes da introdução do novo modelo de gestão demandaram uma mudança de atitude dos dirigentes. Nessesentido, o processo de mudança teve implicações na aprendizagem com a introdução de novos comportamentos gerenciais. Através da capacitação dos tomadores de decisão, a empresa poderá perceber, aprender e interpretar as mudanças que ocorrem no meio e incorporá-las aos objetivos da organização. Palavras-chave: Mudança; Aprendizagem; Estrutura. 1 Introdução A complexidade que permeia o ambienteempresarial demanda a adoção de vários métodos e modelos de gestão pelas organizações para introduzir um processo de inovação, visando manter a sua capacidade competitiva. As organizações estão buscando implementar processos de mudança e a aprendizagem emerge como uma variável determinante na inovação organizacional, uma vez que implica na mudança de comportamento e atitude das pessoas econsequentemente da organização. “A essência da inovação é criar o mundo de acordo com uma determinada visão ou ideal. Criar um novo conhecimento significa quase literalmente recriar a empresa e todos que estão dentro dela em um processo ininterrupto de auto-renovação pessoal e organizacional” (NONAKA apud BAND, 1997, p. 235). O conceito de aprendizagem organizacional tem ganhado destaque, à medida que asempresas buscam desenvolver estruturas e sistemas mais adaptáveis e eficientes. Autores como Kim (1998), Senge (1990), Nadler (1994), Starkey (1997), Fleury e Fleury (1997), entre outros, enfatizam o caráter estratégico da aprendizagem e a mudança como fator chave para a competitividade. Este estudo objetivou analisar o processo de mudança e suas implicações na aprendizagem de uma organização que atuano setor de varejo no Sul do Brasil. Diante destas adversidades do meio onde está inserida, a empresa desenvolveu um processo de reestruturação com a implantação de um novo modelo de gestão, subsidiado pela formação de um conselho administrativo em parceira com a fundação Dom Cabral, através do programa PAEX – Parceiros para Excelência. O programa foi desenvolvido durante dois anos após a decisãoda

ENEGEP 2006

ABEPRO

1

XXVI ENEGEP - Fortaleza, CE, Brasil, 9 a 11 de Outubro de 2006

empresa em mudar o modelo de gestão familiar para modelo de governança corporativa com o objetivo de profissionalizar a gestão. A pesquisa foi realizada com os gerentes após dois anos de implantação do programa, visando analisar o processo de mudança no modelo de gestão da empresa e tambémverificar quais as implicações que esse processo trouxe na aprendizagem organizacional. Em seguida, será apresentada a fundamentação teórica do estudo para, posteriormente, delimitar o caminho metodológico percorrido, a análise dos resultados e as considerações finais. 2 Fundamentação Teórica As estruturas tradicionais, caracterizadas por formas autocráticas, estão dando lugar às formas democráticas de...
tracking img