Movimentos sociais na república velha

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1162 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Sumário



➢ Introdução – Movimentos Sociais
➢ Revolta da Vacina
➢ Cangaço
➢ Revolta da Chibata
➢ Movimento Operário
➢ Coluna Prestes
➢ Conclusão








































Introdução




Movimentos Sociais – República Velha

O fim do regime monárquico não apresentou profundas transformações nasociedade brasileira, mesmo com a libertação das populações escravas, a constituição republicana de 1891, não buscava compreender nenhum tipo de projeto de inclusão social e econômica das populações menos favorecidas, ao mesmo tempo a república foi marcada pelo predomínio das elites agroexportadoras no poder. O regime republicano gerou no interior de seus costumes uma crise de reconhecimentoproveniente dessas populações marginalizadas. Como seria possível se submeter aos poderes e obrigações de um Brasil pouco interessado em atender as demandas daqueles que deveriam representar.







































Revolta da Vacina (Outubro de 1904)

- Governo Rodrigo Alves 1902-1906
- Projeto de Urbanização do Rio de Janeiro pelo prefeitoPereira Passos
- O Rio de Janeiro no início do século XX estava na situação precária faltava saneamento básico e consequentemente epidemias, febre amarela, peste bubônica e varíola. O médico Oswaldo Cruz, diretor da Saúde Pública, convenceu o presidente a decretar a lei da vacinação obrigatória para combater a febre amarela. Os sanitaristas invadiam as casas e a força vacinava as pessoas, o espanto dapopulação foi devido à falta de informação sobre a vacina que era algo positivo, mas aplicado de forma autoritária e violenta.
- Impulsionada a revolta popular aumentava além da vacinação forçada, existia outros problemas crise econômica, desemprego, inflação e a reforma urbana. Populares apedrejam prédios públicos e espalhavam a desordem pela cidade.
- 16 de novembro de 1904, o presidenteRodrigues Alves revoga a lei da vacinação obrigatória e o exército, marinha e a polícia reprimiram violentamente os revoltosos com apoio de Minas Gerais e São Paulo.
-1º Movimento grevista e levante popular do Brasil.


Cangaço (1870 a 1940)

- O auge do cangaço ocorreu durante o governo de Epitáfio Pessoa
- Região da zona rural do nordeste (sertão) nos seguintes estados Ceará, Rio Grande doNorte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe e Bahia.
- Integrados por sertanejos jagunços, capangas e empregados de latifundiários tendo como líder Lampião.
- Movimento relacionado a disputa de terras coronelismo, vingança e principalmente a insatisfação pela situação de miséria no nordeste e descaso do poder público.
- Lampião foi derrotado em 1938 no Sertão de Sergipe, decapitado eesquartejado sua cabeça em público, com a sua morte o cangaço perdeu a força.
- Entrou na história como um movimento de revolta contra o descaso dos órgãos públicos em relação em relação ao sertão nordestino.


Revolta da Chibata (no início do século XX, começou no dia 22 de novembro de 1910)

- Governo Hermes da Fonseca 1910-1914
- Aconteceu no Rio de Janeiro
- Os castigos corporais do tempo doImpério ainda continuavam sendo aplicados na marinha, o serviço militar era arbitrário na seleção e o prazo de permanência na marinha era de 10 a 15 anos. Por qualquer falha os marinheiros eram condenados a prisão, a ferros na solitária e recebiam chibatadas. O estopim da revolta ocorreu quando o marinheiro Marcelino Rodrigues foi castigado com 250 chibatadas, por ter ferido um colega da Marinha,dentro do encouraçado Minas Gerais. O navio de guerra estava indo para o Rio de Janeiro e a punição, que ocorreu na presença dos outros marinheiros, desencadeou a revolta. 
- Em 1910 o líder da revolta João Cândido (conhecido como o Almirante Negro), redigiu a carta reivindicando o fim dos castigos físicos, melhorias na alimentação e anistia para todos que participaram da revolta. Caso não fossem...
tracking img