Movimento operario e socialismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1148 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Para se estudar a história do movimento operário e sua identificação com os postulados do Socialismo, é necessário relembrar as condições de vida e de trabalho da classe operária a partir do momento da consolidação do capitalismo, isto é, a partir da Revolução Industrial.
Os operários jamais aceitaram passivamente as novas condições. As diferenças sociais tornavam-se mais agudas, passando aexistir uma diferenciação até mesmo dos locais de moradia da burguesia e do proletariado. Uma das mais infelizes consequência sociais do primeiro sistema fabril foi a exploração de mulheres e crianças. Em Lião, em 1777, havia 3823 crianças ocupadas no fabrico de sedas, numa força total de trabalho de 9657.
As queixas mais sérias dos operários das fábricas e das minas referiam-se a excessivas horas detrabalho, salários baixos, multas e o sistema de permuta segundo o qual os patrões pagavam em genêros e não em dinheiro. Os homens, as mulheres e as crianças trabalhavam doze horas ou mais por dia e estavam geralmente exaustos quando regressavam a sua casa. Visto a certos patrões interessar que as máquinas trabalhassem continuamente, introduziram-se turnos noturnos em algumas indústrias. Onúmero de dias trabalhados no ano aumentava. Por vezes o domingo era dia de trabalho também, apesar do protesto da igreja. Nos distritos onde os aprendizes costumavam ter as segundas-feiras livres, os patrões faziam o possível por abolir esse Hábito. E, nos países católicos, os dias santos eram gradualmente reduzidos nas fábricas.
Tais condições produziram a resistência, que se expressou de diversasmaneiras. A primeira manifestação da resistência foi o movimento "ludita". Inspirados em Ned Ludd, os operários ingleses deram início à destruição de maquinas, identificadas como as responsáveis pela sua situação de miséria. A reação governamental foi violenta, com perseguições aos luditas, havendo até mesmo condenação a morte.





A partir de 1830, observa-se um segundomomento na luta operária: o movimento Cartista. Os operários ingleses haviam criado a "Associação dos Operários", considerada ilegal pelo governo. Dessa Associação partiu em 1837, a publicação da " Carta do Povo", onde se propugnava o sufrágio universal masculino, o voto secreto, a remuneração dos parlamentares, uma representação mais igualitárias nas eleições, entre outros itens. O que se pretendia, emúltima análise, era permitir uma representação política do proletariado. Greves, passeatas, comícios, foram organizados para pressionar o Parlamento que, no entanto, recusou a "Carta do Povo". O movimento se evadiu, por volta de 1848, devido à repressão governamental.
A partir daí, o interesse operário se dirigiu para a formação das "Trade Unions", ou seja, Associação detrabalhadores, com objetivos inicialmente assistenciais. Destas "Trade Unions" surgirão, no final do século, os sindicatos. Num primeiro momento os sindicatos tiveram uma preocupação nitidamente assistencialista e, posteriormente, procuraram formalizar objetivos que garantiriam uma transformação social mais ampla.
No final do século XIX, pode-se vislumbrar a aproximação do movimento operário aomovimento socialista.
O socialismo, entendido como uma contestação ao individualismo liberal, corporifica-se como uma resposta aos problemas sociais criado pela industrialização a às crises que começavam a acontecer dentro do sistema capitalista.
Os primeiros socialistas foram. posteriormente, denominados de utópicos. Sob este rótulo encontram-se diversas teorias formuladas principalmente na França ena Inglaterra.








Acredita-se que o conceito de Socialismo deve conter os seguintes elementos: a superação dos meios de produção enquanto propriedade privada; a superação do regime de produção de mercadorias e enfraquecimento do dinheiro; a abolição da troca (e da propriedade privada), do consumo de mercadorias, pelo menos dentro da comuna; o controle dos produtos sobre o produto...
tracking img