Movimento feminino pela anistia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (566 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
O Movimento Feminino pela Anistia foi criado no final do ano de 1975. Esse movimento tinha como proposta denunciar as repressões que o governo militar havia imposto aos cidadãos brasileiros. Grandeparte do grupo da militância era composta por mulheres que viram os maridos serem torturados e assassinados pelo governo militar. Esse movimento, independente de partidos políticos e outras ideologias,foi muito apreciado pela sociedade, dando espaço à simpatia de vários grupos políticos. O movimento fundado por Therezinha Zerbini e espalhou-se pelo Brasil, dando legitimidade ao Movimento Femininopela Anistia, com tamanho sucesso e um grande número de novas adeptas. Esse não era um movimento de caráter feminista mas sim um movimento comandado por mulheres; inclusive a líder critica o feminismoem muitas de suas falas. Em 1980 mudou-se o nome do movimento para Anistia e Liberdades Democráticas, um movimento marcado pelo vigor nacionalista.
A partir do ano de 1980, foram grandes asconquistas do Movimento Feminista, como conseqüência de todos os anos de luta.A década de 1980 foi bastante promissora para as feministas.O ano de 1980 se caracterizou como um ano de crise para todos ossetores políticos e econômicos no Brasil, inclusive para o Movimento Feminista. É clara a desmobilização política e a retração de todos os grupos sociais organizados, apesar das mobilizações pelaConstituinte e pelas eleições diretas. O Movimento Feminista não escapa da reestruturação a qual todo o contexto social está submetido no país. Nesse momento histórico o Movimento Feminista fica difuso e nãose concentra em um único grupo. Com a democratização as mulheres passam a trabalhar em vários grupos não governamentais, e não há mais uma unificação da causa feminista. Com essa dissolução dasorganizações feministas foram criados os fóruns, dentre eles um dos mais importantes o Fórum Feminista do Rio de Janeiro, que passaram a se reunir regularmente a partir de 1985.
A partir de 1980, também...
tracking img