Motorola

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (602 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ESTUDO DE CASO
PREPARAÇÃO DO ESTOQUE NA MOTOROLA
Em fevereiro de 1995, a Motorola Inc. conclui que suas estimativas de ganhos para o ano anterior, apresentavam um quadro exageradamente otimista desua posição financeira. A Motorola relatou ganhos recordes no quarto trimestre de US$ 6,45 bilhões. As altas estimativas de lucros provinham de pedidos superestimados de telefones celulares por partede distribuidores varejistas. O ímpeto nas vendas durante a temporada de férias de final de ano pode ter vindo graças a suas vendas para a primeira metade do ano anterior (1994). Novos pedidos detelefones celulares declinaram durante esse período.
De acordo com fontes da indústria, muitos distribuidores, incluindo a US West e a BellSouth, haviam feito pedidos muito grandes. Parte do problema eraque os distribuidores estavam reagindo defensivamente. Durante as duas temporadas anteriores de férias, a Motorola não pode atender às demandas dos consumidores de aparelhos portáteis, forçando aBellSouth e outros distribuidores perderem vendas. Esperando não repetir o erro, as unidades celulares da Bells fizeram pedidos mais cedo e com maior freqüência, duplicando os pedidos. Os distribuidoresnão avisaram a Motorola para diminuir sua produção a tempo em razão desse fato.
Os distribuidores estavam alarmados quando os telefones pedidos começaram a jorrar, a Motorola estava entregando tudo.Trabalhando sob um sistema de qualidade total, a Motorola eliminou praticamente todos os gargalos e estava completamente capacitada a atender à demanda de férias de final de ano. Um analista do setoreletrônico afirma que a Motorola não monitorou adequadamente os pedidos que chegavam. O analista acrescenta: A Motorola deveria ter sabido que os pedidos estavam indo muito além da demanda.
AMotorola Inc. não defrontou com um sério problema financeiro por causa desses super-carregamento de produtos (elevados estoques), pois, a alta administração prefere que os distribuidores não enfrentem...
tracking img