Monografia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 29 (7003 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO

Este trabalho tem por objetivo apresentar conceitualmente a inflação e suas diferentes tipologias, demonstrando a relação entre a política econômica antiinflacionária do segundo mandato do governo de Fernando Henrique Cardoso e o governo Lula e, paralelamente ao crescimento alcançado pela industria nacional após o processo de estabilização da inflação.

Para um melhorentendimento, o mesmo será dividido em três partes, sendo que na primeira parte apresentarei a historia, a forma teórica, os conceitos e os efeitos da estabilização da inflação, suas conseqüências e os índices que medem a inflação.

Na segunda parte, serão apresentados alguns dados do período que vai de janeiro de 1999 até outubro de 2006, período que o Brasil passou pelo segundo mandato de FHC até os diasatuais, com o governo Lula, onde identificarei os principais tipos de inflação através de variações da produção, nos juros e no consumo. Para isso usarei vários dados econômicos fornecidos pelo BACEN e pelo IBGE.

Já na terceira parte, será apresentada uma conclusão, onde será feita uma análise das políticas econômicas adotadas e seus resultados, sendo que também abordarei algumas hipóteses.Por fim farei uma análise das políticas econômicas para estabilização da inflação e seus resultados na industria, no mercado de trabalho e nas exportações.

CAPÍTULO 1 – HISTÓRIA DA INFLAÇÃO NO BRASIL

No Brasil, os cálculos da inflação começaram a ser realizados em 1920, com o surgimento dos primeiros institutos de pesquisa. A conta era feita pela Fazenda Nacional e usava a metodologia daEuropa, que começou a medir a alta dos preços na época dos Grandes Descobrimentos (por volta do ano de 1400). Porém, os dados não refletiam a realidade do país. Isso porque eram baseados nos gastos de apenas uma família: a de Leo Affonseca Jr., responsável pela soma dos valores dos produtos, e que pertencia à classe média alta, ou seja a minoria da população.

Em 1936, com a criação da Lei doSalário Mínimo, o cálculo de preços sofreu várias reformulações, passando a ser calculado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) sob a denominação de Índice de Custo de Vida (ICV). Nesse período, foram criadas novas formas de se calcular a inflação, baseadas em cestas de consumo (um grupo de produtos determinados, essenciais aos brasileiros, cuja variação dos preços eram acompanhadas mês a mês).

Com o fimda Segunda Guerra Mundial, em 1945, a economia brasileira se mostrava estável, com uma taxa de inflação em torno de 3% ao ano. Porém, com a fase da industrialização, nos anos 60, os índices de preços subiram. As greves e o movimento de resistência à ditadura militar da época geraram um ambiente anárquico, elevando a inflação para até 90% ao ano.

Nos anos 70, durante o regime militar, ainflação ainda mostrava sinais de alta, mas as taxas não eram mais divulgadas. Os dados do período são considerados duvidosos, já que alguns órgãos oficiais teriam sido forçados a manipular os números para baixá-los. O caso mais grave de manipulação foi o do período de 1973 a 1974, quando em pleno auge da ditadura do militar Garrastazu Médici a inflação começou a cair. O então ministro Mário HenriqueSimonsen reconheceu ter manipulado os dados em um relatório divulgado em 1978. No documento, ele explicou que, na ocasião, o cálculo dos índices foi baseado nos preços tabelados pelo governo em vez dos preços realmente pagos pelos consumidores. Com isso, o índice oficial foi de 13,7%, quando na verdade a inflação havia sido de 26,6%.
A inflação deu um ligeiro sinal de queda a partir de 1985, com aredemocratização e o lançamento do Plano Cruzado. No entanto, a troca da moeda não segurou o indicador, que passou de 72,53%, em 1986, para 363,37%, em 1987. A partir de então, os governos tentaram uma série de planos econômicos para tentar conter a 'hiperinflação', que fechou o ano de 1989 a 1.972,91% ao ano. No Brasil foram usados vários planos com o propósito da estabilização inflacionária,...
tracking img