Monitoramento de um grupo gerador via sms

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1281 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR FUCAPI
ENGENHARIA DE TELECOMUNICAÇÕES
TÓPICOS ESPECIAIS DE ENGENHARIA

MONITORAMENTO DE UM GRUPO GERADOR VIA SMS

MANAUS
2012
MAURO ALAN SOUZA PICANÇO
ELITON UBIRAJARA DE SOUZA FREIRE

MONITORAMENTO DE UM GRUPO GERADOR VIA SMS

Relatório parcial apresentado ao curso de graduação em Engenharia de Telecomunicações do Instituto de Ensino Superior Fucapi-CESFcomo requesito parcial para aprovação na disciplina Tópicos Especiais de Engenharia, administrada pelo professor Msc.Vanderson Reais.

Abril / 2012
Manaus – AM

Introdução
O monitoramento remoto via Short Message Service (SMS) é uma solução que tem a finalidade de monitorar sistemas ou equipamentos sem a necessidade da presença constante da intervenção humana. Os sistemas permitem que sejammonitoradas e rastreadas informações de um processo produtivo ou instalação física. Tais informações são coletadas através de equipamentos de aquisição de dados e, em seguida armazenados e, posteriormente, apresentados ao usuário.
Objetivo
O objetivo deste trabalho é automatizar e o monitorar, remotamente, um grupo gerador via SMS. Para isso será utilizado um Controlador Lógico Programável(CLP). O CLP é destinado ao controle de processos industriais sendo que sua função básica é a de substituir a lógica feita por relés, módulos temporizadores, controladores, pirômetros, monitores de velocidade, etc., por uma lógica armazenada em memória de programa. E para envio das mensagens será utilizado um modulo de comunicação com tecnologia GSM Quad Band que pode operar em qualquer operadora decelular.
Arquitetura do projeto
O CLP é o equipamento indispensável onde haja a necessidade de automatização de máquinas e controle de processos industriais. A detecção de uma falha, seu diagnóstico e uma posterior manutenção são dificultados quando os equipamentos ficam em localidades remotas, onde geralmente a causa da falha é conhecida somente após gerar uma consequência. Por exemplo, umgrupo gerador, reservatório de água e que mais necessitar de informações remotas para controle de processo ou manutenção. A arquitetura deste projeto esta representado no diagrama em bloco na figura 1.
Controlador
Processo
Modem
(GSM)
Rede celular

Assistência

Figura 01- Arquitetura do projeto
Onde:
Processo: É sistema que está sendo monitorado, neste caso representa o grupo gerador,onde será monitorado o nível de combustível e falha de energia.
Controlador: Controlador Lógico Programável.
Modem: Modulo de comunicação entre o CLP e o usuário usado para isso a rede de telefonia celular.
Assistência: Pessoas responsáveis pela manutenção e previamente cadastradas no sistema.
Principio de funcionamento do CLP.
Os CLPs são equipamentos eletrônicos utilizados em sistemasde automação industrial. Permitem desenvolver e alterar facilmente a lógica para acionamento das saídas em função das entradas. Desta forma, pode-se utilizar inúmeros pontos de entrada de sinal para controlar pontos de saída de sinal (cargas).
Podemos dizer que o CLP é um “microcomputador” aplicado ao controle de um sistema ou de um processo. O CLP é composto de módulos de entradas digitais ouanalógicas. As entradas digitais são agrupadas em conjuntos de 8 ou 16 (cada uma delas é um bit), de forma que a unidade central de processamento possa tratar as informações como bytes ou words.

Bit – dígito binário (código 0 ou 1).
Byte – conjunto de 8 bits que compõe uma infomação.
Word – conjunto de 16 bits que compõe uma informação.

As entradas analógicas têm seu valor convertido parabinário, para que a CPU possa considerá-las e tratá-las. A lógica a que são submetidas as entradas para gerar as saídas é programada pelo usuário do sistema. As saídas também podem ser digitais ou analógicas. A exemplo das entradas, as saídas digitais são tratadas em conjuntos de 8 ou 16; e as analógicas são resultado da conversão de um valor digital gerado pela CPU. A figura 2 mostra a estrutura...
tracking img