Mogno

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1642 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
MOGNO BRASILEIRO
A valiosa madeira mogno está sendo cultivada no norte de MG. Cresce rápido, e agricultores já a veem como futura fonte de lucro. Vejam: "Mogno resssurge no cerrado mineiro
A valiosa madeira mogno está sendo cultivada no norte de MG. Cresce rápido, e agricultores já a veem como futura fonte de lucro. Vejam: "Mogno resssurge no cerrado mineiro
Agricultores da região de Pirapora,no Norte de Minas, depositam no cultivo da árvore nativa das florestas tropicais a esperança de uma velhice tranqüila Emmanuel Pinheiro/Estado de Minas Segundo o agricultor Antônio Serrati, em apenas 10 anos, é possível ter lucro de R$ 5 milhões, com apenas um hectare plantado
Pirapora - Principal árvore devastada pelos contrabandistas de madeira em áreas indígenas da floresta amazônica, o mognoestá brotando no cerrado de Minas Gerais. Conhecida como “ouro verde”, devido ao seu alto preço no mercado internacional, essa madeira tropical tornou-se a maior esperança de uma aposentadoria tranqüila para agricultores dos arredores do município de Pirapora, às margens do Rio São Francisco – tradicional região produtora de uvas do Norte do Estado. Leia também: Plantio de árvores atrai migrantesde todo o país Mas, ao contrário da Amazônia, de onde grande parte da madeira nobre sai do país contrabandeada, o mogno está sendo plantado em Minas sob a tutela do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) e do Instituto Estadual de Florestas (IEF) em áreas de reflorestamento. A autorização dos órgãos governamentais permite o corte legal e a exportação da madeira para a Europa e Ásia. “Seestimarmos, por baixo, o preço do mogno no mercado internacional em R$ 5 mil o metro cúbico, plantando apenas 625 árvores em um hectare teremos, em apenas 10 anos, um lucro de R$ 5 milhões. É uma verdadeira aposentadoria verde”, comemora o agricultor de Pirapora Antônio Serrati Massine, de 54 anos, que desenvolveu a técnica para o cultivo da madeira no cerrado de Minas Gerais. Um dos principaisprodutores de uva da região, Serati conta que resolveu plantar o primeiro exemplar de mogno ao ganhar de presente, há oito anos, uma semente da árvore, durante uma campanha pela preservação da floresta amazônica promovida por uma revista de circulação nacional. Ao perceber o crescimento rápido da árvore, ele resolveu aplicar a tecnologia desenvolvida em suas parreiras para produzir as primeiras mudasde mogno do estado. Em 2005, o agricultor conseguiu aprovar no IEF um projeto para cultivar 25 hectares da espécie tropical. Metade das árvores nativas da Amazônia substituiu antigas parreiras. O restante foi plantado em consórcio com a uva niagara. Além da uva, o mogno também está sendo cultivado em Minas junto com outras frutas, cereais e até mesmo em áreas de pastagem. Na Fazenda BuritiAgropecuária, no município de Buritizeiro, o mogno está sendo cultivado em meio aos bananais. “O mogno está crescendo aqui o dobro do que cresce na Amazônia”, comemora o gerente da fazenda, José Humberto Braga, ao mostrar que, em dois anos, a maioria das árvores plantadas na fazenda já ultrapassou 1,50m de altura. Principal produtor de mudas de mogno, Serati afirma que a espécie se adaptou ao climaquente do Norte de Minas. Segundo ele, o problema da seca foi solucionado com a tecnologia de irrigação usado no cultivo da uva. O agricultor se emociona ao abraçar a primeiro pé de mogno, plantado há oito anos. A árvore já atingiu 16 metros de altura. “Essa árvore sozinha já vale R$ 10 mil. Todo mundo falou que eu era louco. Mas daqui a 10 anos as minhas plantações de mogno já estarão valendo R$ 70milhões. Será a herança e o exemplo ecológico que deixo para os meus netos”, comemora Serati. O agricultor só não sabe se terá coragem de cortar a primeira árvore que plantou ao resolver participar da campanha de motivação ecológica. "
fonte: Estado de Minas
A continuação da reportagem: Plantio de árvores atrai migrantes Agricultores do Norte e do Sul do país migram para o norte de minas em...
tracking img