Modelo vrio

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2820 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CENTRO UNIVERSITÁRIO – UNINILTON LINS



















ANALISES E PROJETOS














Manaus 21 de Setembro de 2012





Dulcineia Barbosa Aragão
















Analises e Projetos








Trabalho Referente a nota
Da primeira avaliação solicitada
Pelo professor AntonioIntrodução

O processo de educação corporativa no país é recente, com registros datados do final do século passado. Desde a passagem de um sistema de Administração, para um sistema de gestão fundamentada na Flexibilidade, diversificação e autonomia, a educação e gestão empresarial andamjuntas. Se na organização, o trabalhador era um mero executor e repetidor de operações, a educação corporativa pode ser analisada como um subproduto do departamento de pessoal que entregava treinamentos específicos e Informações para que se operasse uma máquina.
Dentro deste objetivo mais amplo, este artigo traz a contribuição ao avaliar uma empresa com um programa de educação corporativa eaplicar à este o modelo baseado em recursos, chamado aqui de VRIO. Desta forma, o modelo preza por trazer à luz uma ferramenta de análise para o negócio de educação corporativa das empresas.
A visão baseada em recursos como fonte de vantagem competitiva explora quatro questões que devem ser levantadas. Estas questões abordam se os recursos são valiosos, raros, difíceis de imitar ou substituir eorganização da empresa Em terceiro, o recurso deve ser difícil ou quando ocorre sua imitação, ela é imperfeita ou exige um investimento muito alto para que a imitação ocorra de forma eficaz. Avaliam-se neste caso, as condições históricas, ambigüidade casual, complexidade social e patente. Neste caso, o mais importante é avaliar a ambigüidade casual, uma vez que envolve características cognitivas degerentes das empresas. Nem sempre eles entendem a fundo a relação entre os recursos e capacidades, gerando múltiplas hipóteses, sem conseguir avaliar quais realmente criam vantagem competitiva. Uma solução blended-learning utilizada pela universidade corporativa da caixa, se copiada por outra instituição ipsis litteris,tem uma grande possibilidade de falhar.
O artigo apresenta a aplicação dametodologia VRIO, para avaliar as capacidades internas para implantação e avaliação de programas de universidades corporativas nas empresas.








O modelo VRIO & Matriz Swot

A visão baseada em recursos como fonte de vantagem competitiva explora quatro questões que devem ser levantadas. Estas questões abordam se os recursos são valiosos, raros, difíceis de imitarou substituir e organização da empresa.
Para tratar a questão da organização de políticas e processos da empresa
 O modelo VRIO é uma metodologia para analisar os recursos e capacidades da empresa. De acordo com este modelo, para outorgar uma vantagem competitiva os recursos e as capacidades da empresa têm que responder às seguintes perguntas:
• Os recursos e capacidades da empresa provêem deuma vantagem competitiva. Os recursos e capacidades da empresa são raros. A resposta para esse interrogação é, acredito, de fato há muitos clubes na Europa que pagaram fortunas por alguns deles. Acredito também. Não é qualquer seleção que pode ter jogadores com essas capacidades. Resumindo, a única maneira na qual um recurso ou uma capacidade pode prover uma vantagem competitiva • Pode serelacionar com outros modelos como SWOT, benchmarking, cadeia de valor e oceanos azuis
• Tem foco no que a gerência pode fazer e integra nova teoria com respeito ao crescimento e diversificação a ambigüidade causal existe também para determinar a importância dos recursos e capacidades. Em linguagem menos técnica, nem sempre está clara a importância dos recursos e capacidades.  Ainda há pouco suporte...
tracking img