Modelo especializado e processo unificado de software

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3712 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de dezembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
SUMÁRIO

I – MODELOS ESPECIALIZADOS
1. Desenvolvimento Baseado em Componentes
2. Modelo de Métodos Formais
3. Desenvolvimento de Software Orientado a Aspectos

II – PROCESSO UNIFICADO
1. Histórico
2. Introdução
3. O Processo Unificado
3.1. Direcionado a Casos de Uso
3.2. Centrado na Arquitetura
3.3. Iterativo e Incremental
4. O Ciclo de Vida do Processo Unificado

I – MODELOSESPECIALIZADOS DE PROCESSOS

Os modelos especializados tendem a ser aplicados quando uma abordagem de engenharia de software estreitamente definida é escolhida.

1. Desenvolvimento Baseado em Componentes
Os componentes de software comercial de prateleira, desenvolvidos por vendedores que os oferecem como produtos, podem ser usados quando o software precisa ser construído. Esses componentesfornecem funcionalidades-alvo com interfaces bem definidas que permitem ao componente ser integrado no software.
O modelo de desenvolvimento baseado em componentes incorpora muitas das características do modelo espiral, demanda uma abordagem iterativa para criação de software.
O modelo compõe aplicações a partir de componentes de software previamente preparados. As atividades de modelagem e construçãocomeçam com a identificação dos componentes candidatos.
Independente da tecnologia usada para criar os componentes, o modelo de desenvolvimento baseado em componentes incorpora os seguintes passos:
1) Produtos baseados em componente disponíveis são pesquisados e avaliados para o domínio da aplicação em questão.
2) Tópicos de integração de componentes são considerados.
3) Uma arquitetura desoftware é projetada para acomodar os componentes.
4) Componentes são integrados a arquitetura.
5) Testes abrangentes são realizados para garantir a funcionalidade adequada.

O modelo de desenvolvimento baseada em componentes leva ao reuso do software, e a reusabilidade fornece aos engenheiros vários benefícios mensuráveis.
• Redução de 70% do prazo do ciclo de desenvolvimento.
• Redução de84% do custo do projeto
• Um índice de produtividade de 26,2.

2. O Modelo de Métodos Formais
O modelo de métodos formais abrange um conjunto de atividades que levam à especificação matemática formal do software de computador. Os métodos formais permitem ao engenheiro de software especificar, desenvolver e verificar um sistema baseado em computador pela aplicação rigorosa de uma notaçãomatemática.
Quando métodos formais são usados durante o desenvolvimento, eles fornecem um mecanismo para eliminação de muitos problemas que são difíceis de resolver usando outros paradigmas de engenharia de software.
Quando usados durante o projeto, métodos formais servem de base para a verificação do programa e, assim, permite que o engenheiro descubra e corrija erros que poderiam passar despercebidos.As desvantagens desse método são:
• O desenvolvimento de modelos formais é atualmente muito lento e dispendioso.
• Como poucos desenvolvedores de software têm o preparo necessário para aplicar métodos formais, torna-se necessário um treinamento extensivo.
• É difícil usar os modelos como um mecanismo de comunicação, com clientes despreparados tecnicamente.

Esse modelo é muito utilizadopara construção de softwares críticos.

3. Desenvolvimento de Software Orientado a Aspectos
Quando as preocupações diversas de um sistema entrecortam várias funções, características e informações do sistema, elas são freqüentemente referidas como preocupações transversais. Requisitos referentes a aspectos definem essas preocupações que têm impacto em toda a arquitetura do software. Odesenvolvimento de software orientado a aspecto é um paradigma relativamente novo na engenharia que fornece um processo e abordagem metodológica, para definir, especificar, projetar e construir aspectos.
Um processo orientado a aspectos ainda não foi totalmente desenvolvido, mas deve adotar características do modelo espiral e do modelo concorrente.

I – PROCESSO UNIFICADO

1. Histórico
No início da...
tracking img