Modelo de síntese

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 5 (1195 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 27 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Síntese – Textos – Encontro 4 - Teorias: Clássica, Relações Humanas e Motivação e Liderança

As primeiras organizações surgem no início da idade média com o sistema feudal, a manufatura e a primeira economia monetária. Com o surgimento do capitalismo e a revolução industrial iniciaram-se as premissas das teorias organizacionais, para entendimento e normatização das primeiras indústrias eentendimento dos primeiros problemas significativos nas mesmas. A Escola Clássica ou Administração Científica evoluiu a partir do Homo Economicus, onde o homem era considerado individualista, previsível, controlável, egoísta, com forma de agir calculada, para obtenção de melhores remunerações. No entanto, essa concepção de individualismo ainda era deficiente, havia então, a necessidade da execuçãodo trabalho ser assertiva, surgindo à base dos estudos de Taylor, onde o trabalho era analisado em relação aos movimentos necessários para sua execução e na elaboração de maneiras de simplificá-lo, torná-lo eficiente e mecanizado. O papel do administrador tornar-se-ia mais importante, cabendo a classe operária apenas a execução das atividades e ao administrador o planejamento, a coordenação, aorganização, o comando e o controle, conforme concepção de Fayol. Apareceu a necessidade da descoberta de um funcionário padrão, onde ele seria o “modelo ideal” para execução dos trabalhos padronizados e mecanizados, idealizado pela escola clássica. Porém, para que esses padrões fossem cumpridos, foram propostos meios de incentivos, tais como o pagamento por peça, proposto por Taylor, e o pagamentode bônus, proposto por Gantt. Já no Fordismo houve apenas uma continuação das concepções de Taylor e Fayol, o trabalho continuava racionalizado e a produção com o máximo de eficiência ainda era o objetivo final. A produção em sério de Ford idealizava o mínimo de movimentação dos funcionários, para que não houvesse consumo de força de vontade e de esforço mental, eliminando todos os esforçosdesnecessários, ganhando o máximo de produtividade e eficiência. A escola clássica, segundo Motta, durante sua evolução adotou uma postura paternalista ao retirar a responsabilidade do operário sobre alguma execução de trabalho errada, colocando-a sobre o engenheiro ou responsável da fábrica, protegendo o operário de punições imediatas e arbitrárias. No entanto, contrário a proteção, posteriormentecorria o risco de podar a autonomia do trabalhador, a aprendizagem e causar certa alienação. Houve ainda, outra observação a ser citada, a oportunidade de mobilizações social na teoria clássica uma vez que as pessoas que possuíssem determinadas características podiam concorrer igualmente a um determinado trabalho. As teorias de Taylor sofreram muitas críticas no que competem as suas principaisconcepções (homo economicus, incentivo monetário, única maneira certa de realizar um trabalho, controle por supervisão), surgindo outras teorias que tinham por base a valorização da aprendizagem e de valores como autonomia, flexibilidade e mudança, tendo como principal característica os grupos informais, deixando para trás a concepção da organização formal da escola clássica. Nasce a escola de relaçõeshumanas, concebida à partir da dedução de que o homem não era tão previsível e controlável quanto se pensava durante a teoria clássica. Existiam outros aspectos desejados pelos homens que não era apenas a necessidade de uma remuneração maior

A primeira consideração na escola das relações humanas baseava-se na idéia de que a eficiência dos trabalhadores advindos da escola clássica sofriainfluência de alguns fatores que não estavam sendo medidos ou controlados. Fatores estes, que a partir dos estudos de Follett e Hawthorne, tomaram evidência e concluiriam que a unidade da sociedade, encontrava-se nos grupos sociais, a partir daí o indivíduo formaria uma identidade e desenvolveria o seu potencial humano. Alguns teóricos como Follett, acreditavam que a solução para os conflitos...
tracking img