Modelo artigo ciêntifico

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4604 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Anais do XXXIV COBENGE. Passo Fundo: Ed. Universidade de Passo Fundo, Setembro de 2006. ISBN 85-7515-371-4

FERRAMENTA PARA CALCULAR A EFICIÊNCIA: UM PROCEDIMENTO PARA ENGENHEIROS DE PRODUÇÃO
Mariana R. Almeida – almeidamariana@yahoo.com Escola de Engenharia de São Carlos (EESC-USP), Departamento de Engenharia de Produção Endereço Avenida Trabalhador Saocarlense, 400. CEP: 13566-590– SãoCarlos - SP Enzo B. Mariano – enzo@gmail.com Escola de Engenharia de São Carlos (EESC-USP), Departamento de Engenharia de Produção Endereço Avenida Trabalhador Saocarlense, 400. CEP: 13566-590– São Carlos - SP Daisy A. N. Rebelatto – daisy@prod.eesc.usp.br Escola de Engenharia de São Carlos (EESC-USP), Departamento de Engenharia de Produção Endereço Avenida Trabalhador Saocarlense, 400. CEP: 13566-590–São Carlos - SP

Resumo: As ferramentas para cálculo de eficiência têm apresentado sensível evolução nos últimos tempos, resultado da demanda - tanto privada como pública - de instrumentos que permitam melhoria de desempenho. A “Análise por Envoltória de Dados” é uma das principais técnicas, de acordo com a literatura internacional e nacional, para realizar esse procedimento, elaborada paradefinir uma fronteira formada pela conexão dos melhores desempenhos, dentre as unidades analisadas. O presente artigo apresenta essa ferramenta a partir dos principais conceitos envolvidos e das principais áreas e setores onde já foi aplicada. Além disso, descreve as etapas de procedimento necessárias para aplicação, a partir do software Frontier Analyst. A partir disso, a grande relevância destapesquisa é ensinar novos pesquisadores como utilizar essa ferramenta para avaliar a eficiência dos processos produtivos. Palavras-chaves: Eficiência, Análise por Envoltória de Dados e Frontier Analyst.

1. INTRODUÇÃO A globalização, cuja marca é a expansão mundial, reflete um conjunto de transformações na ordem política e econômica das nações. O fenômeno causa a interligação acelerada entre osmercados, representando um desafio para os países na busca por competitividade para suas empresas. Com isso, as empresas adotam como objetivo essencial um bom índice de eficiência por meio da otimização dos recursos utilizados na função produção.

Anais do XXXIV Congresso Brasileiro de Ensino de Engenharia

14.62

Nesse sentindo, o ensino teórico das universidades precisa estar alinhado com asnecessidades de mercado. Assim, um dos tópicos de maior relevância, atualmente, no mercado, é busca pela maximização da eficiência nas operações. Com isso, a Engenharia de Produção lança luzes sobre avaliar a eficiência dos recursos sob a ótica de sistemas. Na esteira de avaliar sistemas, é necessário identificar quais variáveis apresentam uma maior importância no sistema produtivo. A literaturadefine que as variáveis que compõem essa ótica de sistemas são os inputs e outputs. Com base nas variáveis, a avaliação permite obter informações para serem adotadas como referência. Logo, esse procedimento de avaliação é realizado quando compara com outras unidades produtivas. Com isso, as empresas podem implementar um benchmarking nos processos produtivos visando melhorar suas taxas deeficiências. Desse modo, os gestores precisam adotar técnicas para avaliar a eficiência e auxiliar o processo de tomada de decisão. As técnicas para avaliar a eficiência podem ser paramétricas ou não-paramétricas (SOARES DE MELLO, 2005). Para subsidiar as tomadas de decisões, as principais técnicas disponibilizadas na literatura são: (a) a fronteira estocástica, (b) o índice malmquist; e (c) análise porenvoltória de dados. Cada técnica disponibilizada na literatura apresenta modelos matemáticos distintos e cada um desses modelos necessita de ferramentas para auxiliar no procedimento dos cálculos matemáticos. Portanto, este trabalho tem como objetivo detalhar quais são os procedimentos necessários para ensinar sobre a ferramenta Frontier Analyst. 2. CONCEITOS BÁSICOS PARA ESSE TIPO DE ENSINO O...
tracking img