Modelagem e fortalecimaneto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1307 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Curso de Psicologia
Behaviorismo I

Modelagem e Fortalecimento

Stéphanie Calderaro – RA: 1000207

Piracicaba
2012

Curso de Psicologia
Behaviorismo I

Modelagem e Fortalecimento

Trabalho apresentado para a disciplina Behaviorismo I, do quintofsemestrefdefPsico-logiafdafUniversidadefMeto-distafdefPiracicaba,ministra-da pelaprofessor César.

Piracicaba
2012

Introdução

Watson postulou o comportamento como objeto da Psicologia. Esta ação trouxe a todos os seus adeptos a possibilidade de se ter algo que pudesse ser observado, algo que pudesse ser reproduzido em diferentes condições. Com isso, a Psicologia pode ascender ao status de ciência, o que a desvinculou da sua tradição filosófica. Watson também defendia umaperspectiva funcionalista para a Psicologia, isto é, o comportamento deveria ser estudado como função de certas variáveis do meio. Certos estímulos fazem com que organismo a dê determinadas respostas, tudo por conta dos organismos se ajustarem aos seus ambientes, seja por meio de equipamentos hereditários ou pela formação de hábitos. A busca de Watson era a de uma Psicologia totalmente científica,quase mecânica. Algo que pudesse trazer o poder do controle e da previsão. O Behaviorismo dedica-se ao estudo das interações entre o indivíduo e o ambiente, entre as ações do indivíduo (suas respostas) e o ambiente (as estimulações).
B. F. Skinner foi o mais importante dos behavioristas que sucedem Watson. Era defensor de um Behaviorismo conhecido como Behaviorismo radical, influenciador de muitospsicólogos em todo o mundo; inclusive o Brasil. Skinner tinha como base de sua corrente a formulação do comportamento operante.
O comportamento operante abrange um leque amplo da atividade humana — dos comportamentos do bebê de balbuciar, de agarrar objetos e de olhar os enfeites do berço aos mais sofisticados, apresentados pelo adulto. Para exemplificarmos melhor os conceitos apresentados atéaqui, vamos relembrar um conhecido experimento feito com ratos de laboratório. Vale informar que animais como ratos, pombos e macacos — para citar alguns — foram utilizados pelos analistas experimentais do comportamento (inclusive Skinner) para verificar como as variações no ambiente interferiam nos comportamentos. Tais experimentos permitiram-lhes fazer afirmações sobre o que chamaram de leiscomportamentais. Um ratinho, ao sentir sede em seu habitat, certamente manifesta algum comportamento que lhe permita satisfazer a sua necessidade orgânica. Esse comportamento foi aprendido por ele e se mantém pelo efeito proporcionado: saciar a sede. Assim, se deixarmos um ratinho privado de água durante horas, ele certamente apresentará o comportamento de beber água no momento em que tiver sede.Sabendo disso, os pesquisadores da época decidiram simular esta situação em laboratório sob condições especiais de controle, o que os levou à formulação de uma lei comportamental. Um ratinho (sujeito experimental) foi colocado na “caixa de Skinner” — um recipiente fechado no qual encontrava apenas uma barra. Esta barra ao ser pressionada por ele acionava um mecanismo (camuflado) que lhe permitia obteruma gotinha de água, que chegava à caixa por meio de uma pequena haste. Que resposta esperava-se do ratinho? — Que pressionasse a barra. Como isso ocorreu pela primeira vez? — Por acaso. Durante a exploração da caixa, o ratinho pressionou a barra acidentalmente, o que lhe trouxe, pela primeira vez, uma gotinha de água, que, devido à sede, fora rapidamente consumida. Por ter obtido água aoencostarem-se à barra quando sentia sede, constatou-se a alta probabilidade deque, estando em situação semelhante, o ratinho a pressionasse novamente. Neste caso de comportamento operante, o que propicia a aprendizagem dos comportamentos é a ação do organismo sobre o meio e o efeito dela resultante — a satisfação de alguma necessidade, ou seja, a aprendizagem está na relação entre uma ação e seu...
tracking img