Mito

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1064 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
PEDAGOGIA

CLÁUDIA ANDREATA EVARISTO














MITO
PADRÃO DE BELEZA FEMININA NA SOCIEDADE






















Sete Lagoas
2010



CLÁUDIA ANDREATA EVARISTO



















MITO
PADRÃO DE BERLEZA FEMININA NA SOCIEDADETrabalho apresentado ao Curso pedagogia da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a disciplina Teoria Geral do Conhecimento.

Prof. Marcia Bastos de Almeida.







Sete Lagoas
2010





Introdução:

Este é um tema muito interessante para uma discussão acadêmica, diria por dois motivos, primeiro o mito. Apesar de ser um conceito não definido de modopreciso e unânime, constituem uma realidade antropológica fundamental, pois ele não só representa uma explicação sobre as origens do homem e do mundo em que vive, como traduz por símbolos ricos de significado o modo como um povo ou civilização entende e interpreta a existência.
Segundo por se tratar de um tema que aborda a realidade atual o padrão de beleza femininoestabelecido pela sociedade (mito) e a influência da mídia. A disseminação de um padrão de corpo/beleza baseado em um culto da imagem e da aparecia física na sociedade vem crescendo de maneira exacerbada. Influenciando as pessoas e o mundo inteiro, a procura de um corpo perfeito.





























Desenvolvimento:

Mito como conhecimento e finalidadeO homem pode ser identificado e caracterizado como um ser que pensa e cria explicações. Criando explicações, cria pensamentos. Na criação do pensamento, estão presentes tanto o mito como a racionalidade, ou seja, a base mitológica, enquanto pensamento por figuras, e a base racional, enquanto pensamento por conceitos.
A palavra Mito vem do grego mithós e éuma narrativa tradicional com caráter explicativo e/ou simbólico, profundamente relacionado com uma dada cultura e/ou religião. O mito procura explicar os principais acontecimentos da vida, os fenômenos naturais, as origens do Mundo e do Homem por meio de deuses, semi-deuses e heróis (todas elas são criaturas sobrenaturais). Pode-se dizer que o mito é uma primeira tentativa de explicar arealidade.
Mito também é uma representação idealizada de um estado da humanidade num passado ou num futuro fictício; uma imagem simplificada, frequentemente ilusória, que grupos humanos elaboram ou aceitam e que tem um papel determinante no seu comportamento.
O papel dos Mitos é extremamente importante na constituição da cultura, independente do local que se originou – se pertence ou não a um povo – omito contribuiu para o desenvolvimento individual e colectivo. Os mitos permitem a tomada de consciência sobre a vida instintiva, possuem a capacidade de gerarem padrões de comportamento que garantem a evolução psico-sosial e a atitude criativa perante a vida (nos diferenciando dos animais). Eles não deixam de representar a história da nossa humanidade, dando um sentido à nossa existênciaafectiva e espiritual.

O mito do padrão de beleza feminino.
O mito do padrão de beleza está intimamente relacionado com o belo, com o conceito de harmonia numa tentativa do ser humano de escapar à imperfeição.
Vivemos em uma sociedade que estabelece seus padrões de beleza de forma autoritária e cruel, menosprezando todo aquele que não se encaixaneste perfil estabelecido, com isso a busca de um padrão de beleza feminino perfeito, tornou-se uma obsessão global.
É o corpo sem duvidas é o principal motivo de tanta inquietação, pois a beleza é vista como algo necessário para sociedade, muitas vezes as coisas mais essenciais na vida são deixadas de lado por causa da busca intensa de um corpo ideal, almejado por tais...
tracking img