Mito e religiao

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1987 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
De um lado, e ciência, de outro, são apenas diferentes formas do homem explicar o mundo em que vive, e de obter algum tipo de controle sobre as forças da natureza de que depende para sobreviver. Mas, enquanto o mito e a religião são formas pré-racionais de entendimento do universo, a ciência considera todos os fenômenos naturais e passíveis de abordagem racional.
Na verdade, tanto a abordagemracional como a não-racional, isoladamente, descrevem de forma incompleta a Natureza. Mesmo um cientista, por exemplo, ao contemplar uma paisagem, é capaz de descrever racionalmente as leis da Física envolvidas no fenômeno (como a refração e a difração da luz, entre outras), mas percebe a beleza da cena e suas cores de forma não-racional. A religião grega, bem conhecida a partir da época Arcaica.era publicamente centrada no culto aos deuses do Olimpo e aos heróis. Privadamente, cultuava-se também os mortos e participava-se dos assim chamados cultos de mistério Pensava-se que os deuses interferiam diretamente nos assuntos humanos, e era necessário aplacá-los através d sacrifícios; a Asclépio, deus da Medicina, era costume sacrificar um galo, por exemplo. Os sacerdotes que auxiliavam os fiéisem suas preces e sacrifícios não constituíam o que hoje chamaríamos de 'clero': considerados servos do deus, administravam seus templos e santuários, e na comunidade eram tratados como simples cidadãos. Festivais religiosos eram celebrados regularmente, para que toda a comunidade pudesse honrar o deus da cidade. As famosas Olimpíadas, por exemplo, eram festivais da cidade de Olímpia em honra aZeus e aconteciam a cada quatro anos. Além das cerimônias religiosas de praxe, havia também concursos de poesia, competições atléticas e corridas de carros. Os doze deuses olímpicos .representavam básicamente o 'componente celeste' da religião grega, associado ao dia luminoso e claro; provavelmente, seu culto foi levado à Grécia pelas populações indo-européias que chegaram depois de -2000. O cultoaos mortos e os cultos de mistério eram parte do 'componente ctônico', de origem Neolítica (anterior a -3000, portanto) e ligado à fertilidade da terra.
Os mitos gregos, assim como a antiga religião grega, são parte importante do patrimônio cultural da humanidade, notadamente da Civilização Ocidental. Durante incontáveis séculos, constituíram a única explicação do mundo e de seus fenômenos, tantona Grécia Antiga como em outras culturas igualmente antigas; somente nos últimos 500 anos a Ciência foi capaz de explicar racionalmente parte da estrutura e funcionamento da Natureza.

Homero descreve em seu poema épico "Odisséia" o perigo que Ulisses enfrentou ao navegar no Mar Egeu, no seu regresso a Ítaca, sua pátria, depois da batalha de Tróia. Ninguém podia escapar com vida após ouvir omavioso canto das sereias. Elas exerciam um poder irresistível sobre seus ouvintes, que, inebriados, se atiravam nas águas e nunca mais voltavam. Ulisses, herói da mitologia grega e símbolo da capacidade humana de superar adversidades, resolveu conhecer esse canto, sem contudo colocar em risco sua vida. Era homem conhecido por sua valentia, prudência e esperteza. O ardil do cavalo de madeiragarantiu-lhe a vitória em Tróia. Estava disposto ao confronto. Então ordenou aos seus marujos que o amarrassem ao mastro do seu navio para que pudesse ouvir o canto mortal. Os marujos taparam os ouvidos com cera. Assim, o marido de Penélope e seus companheiros atravessaram sem perigo aquele pedaço de mar, ouvindo o maldito canto.O canto do engano começou no jardim do Éden, quando a serpente disse a Evaque nenhum mal aconteceria se ela comesse do fruto proibido. Ao contrário, ela seria igual a Deus, e conheceria o bem e o mal. O canto da maldade instalou-se no coração do primeiro casal. Confiando nas palavras do Diabo, provou do fruto proibido, desobedecendo a Deus. Em conseqüência, "por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens,...
tracking img